مرحبـاً Selamat Datang Welcome Bienvenue Добро пожаловать Bienvenidos Sejam Bem-vindos

segunda-feira, dezembro 30

O seu maior problema, muitas vezes não são os outros, mas você mesmo, e nem vc ti aguenta. heheheheheh 

domingo, dezembro 29

Quem tem eletricidade, não precisa de lamparina!!!!!

sábado, dezembro 28


O VERDADEIRO CRISTÃO SE APEGA A PALAVRA DE DEUS. É ELA QUE NOS SUSTENTA NA ADVERSIDADE.
JESUS - e esta é a maior celebração que existe!!!!
Se você já errou na vida, e reconhece isso - você é bem-aventurado!!! Existe perdão em abundância para você. Creia, Deus não rejeita jamais um quebrantado de coração. Seja bem-vinda(o) ao clube dos redimidos, se vc entregou a sua vida prá JESUS. Esta bênção pertence aos lavados e purificados pelo sangue de CRISTO. ENTÃO não espere mais para entregar sua vida para o único e suficiente Salvador - AQUELE QUE MORREU NA CRUZ DO CALVÁRIO POR VOCÊ!!!!!
Jesus veio para restaurar almas cansadas...
Vidas cansadas, daquelas que não se renovam só porque tirou um vestido do guarda-roupas e experimentou, mesmo que seja pela primeira vez.
Jesus veio como um raio de luz intensa, no meio das trevas do povo judeu e o mesmo faz hoje, focando em cada um de nós como um farol em noites de tempestades. Porque de tempestade, ELE entende. ELE COMO NINGUÉM, pode transformar tormentas em bonança; bonança em tormenta para nos mostrar que ele é o timoneiro que conhece perfeitamente o mar que criou. Ele reconhece cada onda que vem obre nós. Não temas!!!!

Os outros? Nada podem nos dar...

Em um mundo, onde as pessoas gostariam de ser totalmente boas, mas não conseguem, por tentarem não pecar, mas pecam; por lutarem contra os desejos de carne e muitas vezes serem vencidos por eles; há um Deus que manifesta sua compaixão a todos que quebrantados e sem forças vão a seus pés para receber ânimo.  Não há em todo o universo, uma só pessoa, além de Jesus, para nos receber com algo que só Ele tem - força na hora da angústia.   Os outros?  Nada podem nos dar...
Pois eu dizia na minha pressa:
 Estou cortado de diante dos teus olhos; não obstante, tu ouviste a voz das minhas súplicas, quando eu a ti clamei. Salmos 31:22

quinta-feira, dezembro 26

MUITAS VEZES PARA SE GANHAR UMA ALMA PARA JESUS, TEMOS QUE TER UMA GESTAÇÃO PROLONGADA E DEPOIS AINDA SOFRER AS DORES DO PARTO...

ÏSMOS"QUE ESTÃO LONGE DA PALAVRA DE DEUS

PARA VOCÊ QUE AMA A JESUS E TEM A BÍBLIA COMO ÚNICA PARA A SUA VIDA - CUIDADO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! HERESIAS COM ROUPAGEM NOVA: MISERICÓRDIA
Sincretismo, Triunfalismo, Arminianismo, Unitarismo,Sectarismo,Universalismo,Ecumenismo
Ascetismo E POR AÍ A FORA!!!!!!! "ISMOS" PARA TODOS OS GOSTOS!!!! E PARA A PERDIÇÃO TAMBÉM!!!!!!

sábado, dezembro 21

PAPEL ESCRITO POR HOMENS

Você não acredita na Bíblia Sagrada por ser um pedaço de papel escrito por homens?
Se eu lhe perguntasse: "Qual é a sua idade?" E você me respondesse: "A minha idade é tantos anos". E lhe lhe dissesse: "Então me prove". A pessoa pegará sua carteira de motorista ou sua certidão de nascimento e dirá: "Está aqui a prova". Eu sentaria e daria risada dizendo: "O cara acredita em um pedaço de papel".
Sua certidão de nascimento nada mais é do que um pedaço de papel. Sua carteira de motorista nada mais é do que um pedaço de papel.
Deixa-me fazer-lhe uma pergunta: "Qual é a sua idade?" "Me prova". Tudo o que você pode falar é o seguinte: "Eu acredito nesse pedaço de papel". Se você chega e diz: "Espera, tem mais. Eu tenho o meu pai e minha mãe". Interessante! Agora você acredita em testemunhas.
Então você acredita em pedaço de papel e em testemunhas! Olha que coisa absurda! Por um acaso a Bíblia também não é papel que testemunhas falaram a respeito?
As pessoas não creêm nas Escrituras porque elas não querem crer.
Adauto Lourenço

sexta-feira, dezembro 20

AO FILHO DE DEUS foram oferecidos 3 presentes, que significaram muito na ocasião e até hoje:
Ouro - sua dignidade real
Incenso - sua dignidade sacerdotal 
Mirra - sua dignidade sacrificial 
A ELE SOMENTE, toda glória e honra, mesmo que no humilde estábulo HOUVESSE OUTRAS PESSOAS... JESUS - MEU AMOR MAIOR!!!!! 
NBB

NATAL - SÓ PARA QUEM ENTENDE MESMO DO ASSUNTO!!!!

NATAL - SE A FESTA É PAGÃ, mesmo assim, não

 importa, pois até nisso JESUS faz TODA a diferença. 

ALELUIA!!!!!!



NATAL - Não há quem curta mais, do que aquele que 

entende, QUEM É JESUS - e o que a sua história fez a 

este mundo. ALELUIA!!!!!

NBB

Notícias de Sião Natal 2010



JESUS - REI DOS reis
JESUS ​​- KING OF KINGS
येशू - राजाहरुका राजा
JÉSUS - ROI DES ROIS
예수 - 왕의 왕
ISUS - Împăratul împăraților
JESUS ​​- erregeen Erregeak
JESUS ​​- Koning van die konings
یسوع - بادشاہوں کا بادشاہ
JESÚS - REY DE REYES

Notícias de Sião Natal 2010

quinta-feira, dezembro 19

O Primeiro Natal - A História do Natal Contada pelas Crianças

Ex-satanista lidera movimento de avivamento na Rússia

Pastor que se converteu na prisão faz movimento pela paz
por Jarbas Aragão

Gennady Terkun é um ex-assassino e ex-satanista que por mais de 10 anos pastoreia uma igreja na região predominantemente muçulmana do Norte do Cáucaso.
Desde o final da década de 1990, os radicais islâmicos têm travado uma sangrenta guerra separatista na região da Chechênia, onde ele vive.  O pastor diz que já testemunhou dezenas de atentados terroristas nesse período.
“Estou convencido de que somente o amor de Cristo pode transformar esta região”, disse Terkun. Seu objetivo tem sido levar mensagens de reconciliação e de perdão. Ele sabe do que está falando.
“Eu saí de casa quando tinha 13 anos e passei a andar com as pessoas erradas. Fiz um monte de coisas das quais me envergonho”, lembra Terkun. Logo, se envolveu com drogas, assaltos, prostituição, lavagem de dinheiro, contrabando de armas.  “Me tornei escravo do Diabo. Lembro-me inclusive de fazer um pacto com Satanás para servi-lo”, disse.
Porém, ele acabou sendo preso e condenado a 20 anos de cadeia. Em 1987, Terkun ainda era jovem e muito temido na prisão. “Eu tinha uma má reputação, as pessoas acreditavam que eu tinha poderes sobrenaturais. Os outros prisioneiros tinham medo de mim”, conta.
Mesmo assim, alguns cristãos vieram compartilhar com ele o amor de Jesus, Terkun não quis ouvir. Somente quatro anos depois conseguiu entender o poder transformador daquela mensagem.
“Em 1991, percebi o verdadeiro significado daquelas palavras. Caí de joelhos na cela da prisão e confessei a Deus que era um pecador”, recorda.  “A partir daquele momento deixei de servir a Satanás e passei a ser um servo de Jesus”.
Pouco tempo depois, sua sentença foi milagrosamente diminuída em cinco anos. Ele saiu da cadeia em 1996. No dia seguinte entrou em um seminário de formação teológica, decidido a levar o evangelho para a ex-União Soviética.
Terkun coordena dezenas de acampamentos para jovens todos os anos, em parceria com a organização Ministérios da Rússia e com as igrejas locais. Ele acredita que está testemunhando um avivamento, pois muitos dos convertidos são ex-muçulmanos.
O pastor afirma ainda que já existem muitos cristãos no Partido Comunista. “Acreditamos que só as mensagens de Cristo podem dar a essas crianças um futuro mais brilhante”, declarou Mozlveva Zoya, um líder comunista local que tem apoiado o pastor Terkun.
Quando não está pregando ou coordenando os acampamentos, Terkun dedica-se a pregar em diversas igrejas sobre missões e plantação de igrejas.
O pastor explica que trabalhar na região Norte do Cáucaso atualmente está mais complicado.  A região da Chechênia está tomada de militantes muçulmanos, que desejam um país independente.
Com a ajuda de vários países muçulmanos, incluindo a Arábia Saudita, na Chechênia hoje existe a maior mesquita da Europa. Está cada vez mais difícil para os cristãos evangélicos viverem naquela província.
“Deus mudou a minha vida na prisão naquele dia com um propósito: que eu levasse amor e esperança a estas regiões”, disse Terkun. “Já fui avisado por radicais muçulmanos repetidamente que devia parar de pregar, mas eu não vou. Sou um homem simples, cuja vida foi tocada por Cristo um dia. Tenho a responsabilidade de contar aos outros sobre ele, não importa o custo”, finaliza.

A sociedade atual está encharcada em um mar de imoralidade, alerta Billy Graham

Para o famoso evangelista, todos os sinais da segunda vinda de Cristo estão evidentes hoje
por Jarbas Aragão

Em entrevista exclusiva à edição deste mês da revista Newsmax, o evangelista Billy Graham diz que se prepara para sua última cruzada, desta vez através de um programa de TV da campanha “Minha Esperança”. Prestes a completar 95 anos de idade, ele sofre de problemas respiratórios e foi internado duas vezes para tratamento de uma infecção pulmonar nos últimos anos. Graham diz que sabe que sua “partida” está próxima.
Antes disso, ele lançou mais um livro: “O Motivo da Minha Esperança: A Salvação”. Para ele, a sociedade atual está encharcada “em um mar de imoralidade”, e por isso acredita que a segunda vinda de Cristo está “próxima”.
Conhecido da mídia americana por ter sido “conselheiro espiritual” de vários presidentes, demonstra-se desapontado ao falar sobre o governo do presidente Obama. Lamenta o controle excessivo, que monitoras as telecomunicações e fere as liberdades individuais. “O governo ficar sabendo de cada movimento nosso pode nos levar a perder nossa liberdade de adorar a Deus publicamente”.
Em uma pesquisa recente, o nome de Billy Graham e seu legado não tem a mesma força que um dia teve. Realizou sua primeira cruzada em setembro de 1947, no Michigan. Durante anos desenvolveu um ministério que fez mais de 400 cruzadas de grande porte em 185 países. Fundou a Associação Evangelística Billy Graham que embora não consiga afirmar com certeza quantas pessoas ele levou a Cristo, qualquer estimativa faz a conta usando “milhões” como quantidade mínima. Passou a vida dedicado a levar as pessoas à fé em Cristo. Segundo o Instituto Gallup, é um dos 10 Homens Mais Admirados do país. Hoje em dia, seu filho Franklin Graham cuida do ministério e um de seus netos já surge como uma nova liderança.
Ele também disse à Newsmax que não é sábio “especular” sobre as datas do fim do mundo, mas acredita que se aproxima o Armagedon, a batalha final entre o bem e o mal profetizado no livro de Apocalipse. Para Graham, a Bíblia fala claramente sobre sinais que apontariam para o retorno do Senhor. ”Deus cumpre Suas promessas e por isso podemos ter certeza de que a volta de Cristo está próxima. A Escritura nos diz que haverá sinais apontando para o retorno do Senhor. Acredito que todos esses sinais estão evidentes hoje. Esse é um tempo de termos o jornal do dia em uma mão e a Bíblia na outra, enquanto assistimos o desenrolar do grande drama se cumprir. Independentemente do que a sociedade diz, não poderemos continuar vivendo muito mais tempo nesse mar de imoralidade sem que venha o juízo. Estamos em uma encruzilhada, e há profundas questões morais em jogo. A advertência bíblica é clara: preparar-te para encontrares com o teu Deus”, explica.
Ao falar sobre aspectos espirituais deste século, o evangelista acredita que o “maior perigo” que a igreja moderna enfrenta é a “adaptação da religião para atender às suas próprias necessidades”. Isso significa “misturar um pouco de cristianismo com outras religiões do mundo. É o chamado uma fé de encomenda”. Para Graham, a sociedade “não se opõe a este tipo de fé, que eliminou Deus, e faz com que você perca a consciência do certo e errado. Ensina que as escolhas morais que são feitas por cada um dependendo apenas no que ‘se encaixa’ com as preferências individuais”.
Ele faz um desabafo: “Meu coração fica desanimado quando vejo o desespero e confusão tomando contas das pessoas. Esta é a razão para escrever mais um livro e proclamar que há uma saída: através de Jesus Cristo, que veio para nos salvar da autodestruição… Muitas pessoas não querem enfrentar a verdade do Evangelho. Eles o reduziram a um mito, fazendo com que jovens e velhos duvidem da autoridade da Bíblia”.
Questionado sobre qual seria a sua “última mensagem” para as pessoas, ele retoma a mensagem que já lhe rendeu o título de “maior evangelistas do século 20”: “Cristo é a nossa esperança para hoje e nossa promessa para o amanhã. Isso foi cumprido na grande obra que Ele fez pela humanidade na cruz, quando pagou o preço por nossos pecados. Ele oferece a salvação para aqueles que vêm até Ele, acreditam no que Ele fez e no que Ele disse, e decidem obedecê-lo e segui-Lo. Eu nunca conheci ninguém que tenha vindo até Cristo e tenha se arrependido… Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o Seu único Filho, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna, João 3:16. Não ignore a importância desta frase maravilhosa”.

quarta-feira, dezembro 18

UMA ALMA VALE MAIS DO QUE OS ESCRITOS DE RICHARD DAWKINS

Histórias da Amazônia janeiro 2014

Deus existe? 
Por vinte anos me perguntei.
2010.07.25 Projeto IDE Par REY9581Certo dia, Wilson Kannenberg decolou para buscar as missionárias Judite e Catarina, da missão Sil, numa aldeia indígena perto de Tapauá. Mas o mau tempo fez com que seus planos fossem alterados, e os planos do Senhor acontecessem.
Leia este emocionante relato...

"Fui obrigado a pousar por causa do mau tempo. Pousei num lago onde ficava uma pequena comunidade, com apenas umas oito famílias. Era a comunidade Bom Jesus, no Município de Beruri – AM, entre os rios Solimões e Purus.

Quando saí do avião, veio ao meu encontro um senhor e me chamou para ir até à sua casa, pois o tempo estava muito escuro e um temporal estava por vir.

Este senhor me perguntou quem eu era, e lhe expliquei que eu era um piloto missionário e estava indo buscar duas missionárias que moravam entre os índios. Disse a ele que eu também era pastor.

Ao me ouvir, ele ficou muito admirado e, então, resolveu trazer uma conserva de carne- algo que ele havia guardado para uma ocasião especial.

Nós não nos conhecíamos, mas este senhor dividiu comigo seu melhor alimento.

Conversamos sobre a Palavra de Deus e sobre Jesus.

Eu preferiria comer peixes, que este senhor também tinha em sua casa, mas aquele momento era tão especial que comemos junto a carne que o senhor tinha em conserva.

Ao conversar comigo, este senhor chorou, pois não imaginava que alguém viria de avião para chegar à sua casa e lhe falar do Evangelho. Ele nunca tinha ouvido as boas novas! Ao ouvir, ele aceitou a Cristo.

Estava só aguardando a mensagem que vem dos céus.

Deus já tinha preparado tudo e até o coração daquele senhor. Deus fez o mau tempo acontecer e o único lugar para o qual eu poderia fugir da tempestade, era ali, onde ele se encontrava, sedento de ouvir a Palavra da salvação.

Agora, este senhor  poderia pegar seu barco e seguir para uma comunidade que tem uma igreja, ainda que, por vezes, seja necessário navegar por horas para chegar ao  destino.

Sinceramente, durante esta ocasião, fiquei preocupado em atrasar o voo, fazer os outros ficarem esperando e tristes porque eu não estava chegando na hora marcada, mas tenho visto que Deus tem controle do tempo e eu tenho que fazer no tempo dEle.

O que me surpreende, é que o Senhor nos faz acordar e viver para nos usar naquele dia.
Coisas de Deus! Deus existe e realiza maravilhas."
Wilson Kannenber - Missionário
SITE: ASAS DE SOCORRO

SAI DESSA MENINO!!!!

Pastor desafia ateus a provarem que Deus não existe

Pastor desafia ateus a provarem cientificamente que Deus não existe: “Não há provas de que o homem veio do macaco”
Pastor desafia ateus a provarem cientificamente que Deus não existe: Não há provas de que o homem veio do macaco
Rubens Teixeira, pastor evangélico e doutor em economia no Brasil, responde mediante a respostas de ateus pela internet acerca de suas polêmicas perguntas “Você é ateu? Se você é ateu, então você me prove cientificamente que Deus não existe,” em entrevista postada em seu site ontem. Ele falou sobre a importância do conhecimento da Bíblia e o criacionismo.
Um vídeo publicado em resposta ao pastor, mostrou o depoimento de um ateu contra o pastor, argumentando que os ateus não veem motivo para acreditar em um Deus, e por isso não há motivo de provar que Deus não existe.
Rubens já havia afirmado na época que “nenhum deles conseguiram me provar até hoje.”
O Pastor foi criticado e acusado de usar falácias de “apelo à autoridade” ao dizer de suas formações acadêmicas. Em sua reposta, Rubens faz questão de mostrar sua carreira acadêmica e prêmios que tem recebido por suas pesquisas e estudos em sua área de formação, concordando “que a importância de quem fala é importante para o seu argumento.”
“Quando alguém está doente, ele pede explicação ao médico. Quando alguém tem um problema jurídico ela pergunta ao advogado,” argumentou ele.
Rubens condenou aqueles que criticam a Bíblia sem ter um conhecimento adequado de seu conteúdo.
“Alguém tentar falar sobre a Bíblia sem conhecê-la é uma espécie de loucura. É como você querer ensinar alguém a fazer cirurgia cardíaca se você nunca frequentou uma aula de um curso de medicina. Eu não consigo entender como uma pessoa ousa falar daquilo que ela não conhece,” disse.
Rubens sustentou que “Muitas coisas que a Bíblia dizia, a ciência descobriu depois. Muitas coisas na Bíblia a ciência não comprovou que existe, mas também não provou o contrário.”
Ele exemplificou que na Idade Média, quando se pensava que a Terra era plana, a Bíblia já mostrava o conceito de uma terra esférica no livro de Isaías 44:22, que diz “Deus se assenta sobre o globo da terra.”
“Na época a ciência entendia que era plana, contraditório com o que dizia a Bíblia. Todavia, depois descobriu-se que a Terra tinha a forma arredondada como tem.”
Rubens ressaltou a importância do respeito quanto ao conhecimento das Escrituras, relembrando a sua estada em outros países, em que ele ouviu pessoas de outras religiões fazendo citações da Bíblia como referência.
“Se essas pessoas que são de lá, e citam a referência bíblica como pode alguém que não tem noção do que está falando criticar a Bíblia. Fica difícil você querer conversar sobre a Bíblia e debater com quem não a conhece.”
Para responder a uma das críticas ateístas apresentadas, dizendo que a teologia não é ciência, ele defende, mencionando que há Universidades criacionistas no Brasil.
“O MEC reconhece que a teologia é uma ciência. Por isso tem esses níveis de graduação,” citando a Pontifícia Universidade Católica e o Mackenzie como exemplos.
Ele questionou a o ensino escolar baseado no evolucionismo, argumentando que, “Não há prova cabal de que o homem veio do macaco. Então eu acho que deveria abrir espaço para um debate do criacionismo.”
“O criacionsimo é uma convicção que entende que Deus criou as coisas como elas são. Um animal não virou outro animal é logico que a evolução aconteceu e acontece, mas não acredito é que um ser deu origem a outro. Eu acredito que Deus criou o homem da forma que ele é.”
“Eu nunca encontrei nada que contrariasse a Bíblia.”
Lute para ser um bom religioso, e agrade ao seu ego; e quando você se cansar dessa corrida, saiba que JESUS estará pronto para ti receber e ti conduzir pelo caminho incomparável da sua graça.

segunda-feira, dezembro 16

Não adianta você ter uma opinião, se esta opinião não tem a aprovação de Deus. O QUE A PALAVRA DE DEUS PENSA A RESPEITO DO QUE EU PENSO...EIS A QUESTÃO. E COM CERTEZA FREUD NÃO EXPLICA!!!!!!!!

O céu aberto de C. S. Lewis

Quem já leu C. S. Lewis sabe que a imagem das sombras é recorrente em seus escritos. De fato, ele teve várias experiências de céu fechado, que lhe renderam muitas noites sombrias. O raiar do dia, a vinda da primavera, a luz do sol vêm sempre associados à sua busca por joy: alegria, júbilo, festa, a pátria perdida. 

De onde veio esse anseio? Como ele, tendo sido ateu e materialista anos a fio, pode ser considerado, até hoje, o apologeta entre céticos, cujos livros se vendem aos milhares mundo afora?

Catedrático de Oxford e Cambridge de literatura inglesa, Lewis foi reconhecido por algumas obras de crítica literária. Porém, notabilizou-se pelas obras de ficção, pelas quais retrata de diversos ângulos a sua história de filho pródigo, crivada por ironias e alegorizada em “O Regresso do Peregrino”, numa alusão a Bunyan.

Um dos atores principais da conversão desse irlandês de volta ao protestantismo, seu colega em Oxford e grande amigo, J. R. R. Tolkien, criador da celebrada trilogia de “O Senhor dos Anéis”, era católico ortodoxo romano.

Outra ironia é que Lewis, que tanto falava em sofrimento, teve muitos problemas com o sofrimento na vida real. Entre as perdas sofridas estavam a sua mãe, um colega de guerra no “front”, seu pai, um grande amigo e, quem sabe a maior de todas, sua esposa, Joy. Suas terapias para lidar com a dor eram ler, escrever e debater literatura com os amigos.

Segundo “O Mais Relutante dos Convertidos”, de David Downing, a felicidade na infância durou do seu nascimento, em 1898, até o falecimento de sua mãe, que era o alento da família com o seu refrescante equilíbrio emocional. Seu pai sofria de depressões e flutuações de ânimo, e por isso foi tachado de sentimental. Sua mãe era professora de matemática, filha de um pastor protestante. Até que foi vitimada pelo câncer, quando Lewis tinha nove anos de idade. 

Depois disso, Lewis e seu irmão mais velho, Warren, percorreram vários internatos ingleses -- um deles parecia um campo de concentração e foi fechado com a internação de seu diretor por insanidade mental. Seu ambiente insalubre e sombrio, que “nem ao menos tinha biblioteca”, é retratado em “Surpreendido pela Alegria” (SPA), sua autobiografia. Voltou então à Irlanda para estudar no Colégio “Campbell”, onde foi perseguido por gangues.

Depois, ingressou no colégio “Cherbourg”, que era preparatório para a Universidade de Oxford. Nele, foi “adotado” por uma “mãe substituta”, que era espiritualista. Lewis descreve esse período como sendo a fase de queda em sua vida, em que pôs Deus em questão (cf. biografia de A. Nichola), principalmente pelo fato de Deus ter ignorado as suas súplicas pela cura da mãe. Tornou-se ateu.

Então, seu pai cedeu ao pedido de ter aulas particulares com William Kirkpatrick, que havia sido professor de seu pai. Lewis estudou com ele por três anos. Esse senhor, já idoso e ateu convicto, era muito admirado por Lewis, pois lhe dava uma formação nos moldes dos “clássicos”. Alguns autores que passaram a ler suas obras admitem que Lewis tornou-se um adolescente materialista “esnobe”, que tentava evitar Deus de todos os modos. Passou a apreciar as coisas tidas como racionais e científicas. Porém, continuava a manter a paixão pelos mitos e contos de fada. Foi assim que “tropeçou” num volume de “Phantastes”, de George MacDonald. Anos depois ele escreveria em SPA que esse livro “batizou” a sua imaginação de modo silencioso. 

Seus estudos em Oxford iniciaram-se em 1916. Já no ano seguinte, alistou-se para a guerra. No exército, fez amizade com o colega Paddy Moore. Depois de conhecer sua mãe e irmã numa folga, prometeu ao amigo cuidar delas, caso ele morresse. O amigo jurou o mesmo em relação ao pai de Lewis. Lewis acabou ferido por um estilhaço de bomba -- fato que o fez retornar a Oxford. Seu amigo morreu no “front”.

No mesmo ano em que publicou uma série de poemas bem “obscuros”, que não alcançaram sucesso, ele passou a sustentar a Sra. Moore e a filha e retomou os estudos.
Nos primeiros anos de bacharelado, sua alma entrava em crise, dividida entre o provedor de uma família e o estudante desprovido de mãe e com o pai ausente; entre seu lado racional e o imaginativo; o frio e calculista e o emocional. Tornou-se, assim, um ser em busca de algo que não sabia precisar. Ele também havia se tornado um platônico, pois via uma “guerra” sendo travada não apenas “lá fora”, mas “dentro” dele: entre o espírito e a matéria, que devia ser maniqueisticamente “domada”.

Os anos seguintes aos de 1923 foram de descoberta do desejo pelo oculto e o conhecimento pessoal de um poeta que muito admirava: Yeats. Contudo, acabou se assustando com o aspecto sombrio da casa do autor e o estilo de vida de seus donos, que eram espiritualistas. Decepcionou-se ainda com episódios de possessão (presenciados por ele em diferentes contextos), que o afastaram do ocultismo.
Ainda em 1923, Lewis se impressionava com a leitura de “Phantastes”. Ele escreve a um amigo de infância relatando a sua apreciação por tal obra. Havia se tornado um idealista e panteísta, depois de ler autores ingleses, que negavam a Deus, exaltando os ideais humanos e os potenciais da natureza.

Dois anos depois, conheceu J. R. R. Tolkien e registrou em seu diário que ele reunia dois “defeitos” que lhe recomendaram evitar: era papista (católico) e filólogo.
Foi em Oxford, também, que conheceu um grupo de amigos, sobre o qual observou que, para a sua surpresa, eram cristãos e, ao mesmo tempo, inteligentes!

Começou, então, a apreciar os escritos de Chesterton. À semelhança do ocorrido a esse autor (cf. “Ortodoxia”), ele era como um náufrago que saiu de uma ilha, para acabar regressando à mesma. Notou ainda, num retrospecto de suas leituras, que os autores que mais amava tinham o mesmo “defeito” de serem cristãos, inclusive MacDonald -- o que lhe parecia uma “traição”.

Assim, chegou à noite da Páscoa de 1939, em que Lewis saiu com esses amigos para conversar sobre Deus e o mundo. Porém, o argumento que o pôs de joelhos ao lado da cama veio de Tolkien. Ele o fez reconhecer que havia algo em comum entre os mitos, que eram a razão de ser daquele grupo: a narrativa sobre um mal assolando um povo e um deus que sai em resgate dele, sacrificando-se por ele (e algumas vezes, ressuscitando). Se todos os povos de todas as línguas, eras e culturas contam, em essência, a mesma história, então ela tinha de ser verdadeira. 

E então, Tolkien deferiu o golpe final: na história de Cristo, que tinha a mesma estrutura daquela dos mitos, o mito e o fato se casaram. A história da paixão é aquela que faz tudo se encaixar, dando sentido ao que se conta de forma profética por meio dos contadores de história de antes ou depois da sua vinda. A diferença de Cristo é que ele era real e sua história, verdadeira.
Iniciou-se, assim, um longo processo, que muitos não chamariam de conversão, por não ter envolvido qualquer experiência extraordinária. Contudo, representou, sim, uma guinada no caminho que Lewis estava trilhando. Quando estamos andando no sentido errado só podemos avançar se dermos a volta, retornando à estaca zero. 

O primeiro passo foi o reconhecimento da existência de Deus -- o que fez dele um teísta. Num segundo momento, ainda conversando com seus colegas, com os quais fundaria um clube, percebeu que esse Deus não podia ser uma força transcendental, sem nome ou face. Tudo indicava que ele deveria ser pessoal e interferir no mundo. Se não, como explicar fatos inexplicáveis, como o mal?

Foi em um passeio de motocicleta com o seu irmão ao zoológico, que Lewis, já convertido, finalmente reconheceu que Jesus é Deus. Diz ele, em “SPA”, que saiu não crendo em Jesus e voltou crendo.

Quando o processo se completou, sua imaginação se libertou, produzindo a riqueza de obras com as quais nos brindou, incentivando-nos a sair ao encontro dos que estão a caminho, usando uma linguagem universal.

Apesar de ter sido um converso “relutante”, Lewis não foi um converso inseguro ou hesitante; tanto que confessa que foi capturado por algo sobrenatural, que pôs o “self-made man” em cheque.

O cristianismo tornou-se para ele como uma grande casa com vários cômodos (cf. “Cristianismo Puro e Simples”). Com isso, era um dos mais livres convertidos, pois sua fé lhe permitia dialogar com todas as religiões e crenças; além de ser um dos mais apaixonados e convictos apologetas cristãos da história. Não praticava proselitismo. Antes, valorizava a sabedoria por trás de toda arte, cultura e religião humanas, desde as mais antigas, fazendo-as aflorar e apontar para além do céu fechado.

Para Lewis, melhor é ser um pagão que não conhece as verdades do evangelho, do que um cristão por demais familiarizado com elas. Nesse sentido, o pagão está mais perto de Deus do que o cristão nominal, que nunca se arriscou para fora do mundo construído a seu redor.

A prova de fogo da sua teoria de que o sofrimento é o megafone de Deus, que anuncia a “magia mais profunda de antes da aurora dos tempos”, é retratada no filme “Shadowlands”, nas últimas palavras de Joy, que ele desposou após o diagnóstico de câncer. Elas refletem as palavras de Aslam, ao explicar a morte às crianças em “A Última Batalha”: “Seu pai, sua mãe e todos vocês estão mortos, como se costuma dizer na Terra das Sombras. As aulas acabaram: chegaram as férias! Acabou-se o sonho: rompeu o amanhã!” (tradução própria).

• Gabriele Greggersen é missionária no mundo acadêmico e doutoranda em estudos da tradução pela UFSC. www.cslewis.com.br

domingo, dezembro 15

MINHA INDIGNAÇÃO SOLITÁRIA

Deixo aqui registado meu repúdio contra toda propaganda SEXUAL IMORAL. Já se torna quase impossível navegar pela internet, sem que se seja bombardeado pelo google, com imagens indesejáveis de todo tipo.  Fotos explícitas de baixo calão. Somos agredidos virtualmente.  Não se pode fazer uma pesquisa, sem que soframos este tipo de ataque. Manifesto aqui a minha indignação solitária. Estou farta de tanta imoralidade.
É uma afronta, tanta permissividade em nosso país.

sábado, dezembro 14

Encontrei JESUS - e esta é a maior celebração que existe!!!!
Visitei por algum tempo um hospital que atendia portadores terminais de HIV e posso falar sem erro:"NUNCA vi um ateu por lá, confortando aquelas pessoas desesperadas.   Nunca encontrei um ateu se quer, lendo a Teoria da Evolucão ou os livros de Richard Dawkins para estes homens e mulheres mergulhados no medo da morte. Discurso em internet, tem aos  montes. Saindo daqui, os ateus não tem nada para oferecer, absolutamente NADA!!!!!!!!!!!!!!  Nós "crentelhos" na prática, somos mais humanos, do que muitos ateus arrogantes, que odeiam os cristãos só pelo fato de serem o que são. 
Advertência contra Dumá: Alguém de Seir me pergunta: "Guarda, quanto ainda falta para acabar a noite? Guarda, quanto falta para acabar a noite? "
Isaías 21:11

A expressão Peso de Dumá, significa a condenação deste sistema mundano e de todos os que estão envolvidos com ele, vivendo como Esaú viveu (Heb 12: 16).
Horrível coisa é lutar contra o DEUS VIVO - O DEUS DE ISRAEL E NOSSO DEUS PARA SEMPRE.
Ai dos zombadores de plantão.  Estão cegos em sua ignorância.
Então Isaías, filho de Amoz, enviou uma mensagem a Ezequias: "Assim diz o Senhor, Deus de Israel: ‘Ouvi a sua oração acerca de Senaqueribe, rei da Assíria.
Isaías 37:21
De quem você zombou e contra quem blasfemou? Contra quem você ergueu a voz e, contra quem levantou seu olhar arrogante? Contra o Santo de Israel!
Isaías 37:23
"Por isso assim diz o Senhor acerca do rei da Assíria: " ‘Ele não entrará nesta cidade e não atirará aqui uma flecha sequer. Não virá diante dela com escudo nem construirá rampas de cerco contra ela.
Pelo caminho por onde veio voltará; não entrará nesta cidade’, declara o Senhor.
" ‘Eu defenderei esta cidade e a salvarei, por amor de mim e por amor de Davi, meu servo! ’ "
Então o anjo do Senhor saiu e matou cento e oitenta e cinco mil homens no acampamento assírio. Quando o povo se levantou na manhã seguinte, só havia cadáveres!
Assim Senaqueribe, rei da Assíria, fugiu do acampamento, voltou para Nínive e lá ficou.
Certo dia, quando adorava no templo de seu deus Nisroque, seus filhos Adrameleque e Sarezer o feriram à espada, e fugiram para a terra de Ararate. E seu filho Esar-Hadom foi o seu sucessor.

Isaías 37:33-38
ASSIM caminha a HUMANIDADE...
PASSAM por grandes provações, mas não 
querem a ajuda do Todo Poderoso...
Ai dos que descem ao Egito a buscar socorro, e se estribam em cavalos; e têm confiança em carros, porque são muitos; e nos cavaleiros, porque são poderosíssimos; e não atentam para o Santo de Israel, e não buscam ao SENHOR.
Isaías 31:1
A escuridão pode ocultar muitas coisas que os homens fazem, mas jamais se quer um deles, conseguirá fugir dos olhos de Deus. 
Ai dos que querem esconder profundamente o seu propósito do Senhor, e fazem as suas obras às escuras, e dizem: Quem nos vê? E quem nos conhece?
Isaías 29:15

sexta-feira, dezembro 13

Amados, nunca procurem vingar-se, mas deixem com Deus a ira, pois está escrito: "Minha é a vingança; eu retribuirei", diz o Senhor.
Romanos 12:19
Gosto de pensar no que os ateus podem nos oferecer além de uma lápide.   NADA!!!!!!   Depois, arrogantemente nos desprezam, por termos esperança e fé.  Lembrei-me agora!!!!   Eles nos oferecem a TEORIA da evolução... heheheheheheh
O Senhor dos Exércitos virá com trovões e terremoto e estrondoso ruído, com tempestade e furacão e chamas de um fogo devorador.
Isaías 29:6

segunda-feira, dezembro 9

Se você não tem tempo para Deus hoje, terá todo o tempo da eternidade para confirmar isso...Longe DEle!!!!

A Bíblia arremessada contra a parede - 3ª parte




Neivelle Tan, o gangster de Singapura, recebeu a notícia da morte da mãe na prisão e ficou desesperado, querendo tirar sua vida, pois sua mãe era a única pessoa que ainda o amava. Neivelle disse:
“Naquela noite, preparei uma sopa venenosa e eu estava pronto para morrer. Porém, algo estranho aconteceu no momento em que segurei a sopa em minhas mãos. De repente, minha mente me fez retornar à infância e revivi os dias no colégio, me lembrei de uma música muito linda, mas conseguia recordar apenas uma única linha. Esta única linha que eu lembrava era: ‘o Senhor é o meu Pastor e nada me faltará’. Consegui recordar apenas essa única frase, mas eu sabia que essa foi uma palavra da Bíblia. Eu não possuía uma Bíblia, pois eu não acreditava em Deus, porém os Gideões colocaram um Novo Testamento em cada uma das celas da prisão.
O milagre foi que os Salmos não se encontram no Novo Testamento, mas os Gideões acrescentaram os Salmos e os Provérbios nos Novos Testamentos que distribuem. E mais um milagre aconteceu quando eu não conseguia encontrar o texto bíblico do Salmo 23. Eu tinha a Bíblia em minhas mãos, mas não encontrei o texto desejado e fiquei nervoso com Deus, dizendo: ‘Senhor você precisa me mostrar onde está escrito esse Salmo, pois eu sabia que havia mais uma palavra nesse Salmo e essa palavra iria me ajudar’. Então desafiei a Deus dizendo: ‘Senhor mostra-me onde está esse Salmo!’.
Fiquei nervoso e tomei a Bíblia e a arremessei contra a parede da prisão, de modo que o livro partiu em dois pedaços.
A Bíblia abriu exatamente no Salmo 23 verso 4, que diz: ‘Mesmo quando eu andar por um vale de trevas e morte, não temerei perigo algum, pois tu estás comigo; a tua vara e o teu cajado me protegem’.
Repentinamente tive a impressão que Deus estava comigo na cela da prisão. Foi quando questionei: ‘Senhor, por que o Senhor está no presídio? O Senhor não é criminoso’
O Senhor respondeu: ‘Eu vim para estar contigo’. Nesse momento, cai de joelhos e pela primeira vez em minha vida eu chorei.
Quando faleceu minha mãe, eu não chorei. Mesmo quando me açoitaram mais de 40 vezes, eu nunca chorava. Eu era um gangster, um homem de ferro. Eu não podia chorar. Chorar é fraqueza. Mas, naquela noite, eu chorei ajoelhado diante de Deus dizendo: ‘Senhor, tome a minha vida, e faça com ela o que o Senhor quiser’. Daquela noite em diante minha vida foi transformada totalmente.
Até aquele momento eu não tinha estudos, mas concluí o ginásio, a faculdade, fiz o mestrado e fui o primeiro prisioneiro que concluiu seus estudos até esse nível, no presídio. Em 1971 fui liberto da prisão e fui pela primeira vez à igreja. Em 1972 fui enviado para um seminário teológico e consagrado para servir no presídio, servindo por dez anos, sendo o primeiro prisioneiro evangelista em Singapura nos presídios, a convite do governo de meu país.
Minha vida foi mudada totalmente e fui consagrado missionário, estabelecendo igrejas na Malásia, no Camboja, Vietnã e na Indonésia. Atualmente, quando visito presídios, digo aos prisioneiros: ‘Se Deus transformou a minha vida, Ele pode transformar a vida de qualquer pessoa, porém você precisa permitir que Ele transforme a sua vida’, dizendo: ‘Senhor tome a minha vida e faça dela o que o Senhor quiser’. Espero que você também faça isso”. (Pastor Neivelle Tan - Singapura)

Nota: O pastor Tan saiu do presídio no ano de minha formatura teológica: 1972. Ele é uma “represa da itaipu = a pedra que canta”, o hino de sua história diz: “Se Deus transformou a minha vida, Ele pode transformar a vida de qualquer pessoa”.

* O autor é pastor da Igreja de Deus no Brasil em Marechal Cândido Rondon (www.ecosdaliberdade.com.br)

ecosdaliberdade@yahoo.com.br
O Brasil está zombando da ira de Deus!!!!  Os criminosos de toda espécie, fervilham neste país.   Os homens estão parecendo animais ferozes.  Parecem estar com o demônio no corpo.
As torcidas também estão sem controle. E como é engraçado!!!   Nós os evangélicos é que somos os inimigos da nação.  Não entendo isso!!!!
Sistema Político comparado com duas vacas
DEMOCRACIA PETISTA: O governo decide te dar duas vacas se você votar nele. E depois uma bolsa família para não precisar cuidar delas.
SOCIALISMO
Você tem duas vacas: O governo toma as duas e divide com igualdade de direitos, entre eles mesmos.

COMUNISMO
Você tem duas vacas: O governo toma as duas vacas e dá a você um copo de leite com 95% de água...

NAZISMO
Você tem duas vacas: O governo mata você e toma as duas vacas.

CAPITALISMO: Você tem duas vacas. Tira o leite todas as manhãs e vende quase de graça. O atravessador acrescenta metade de água, amônia, conservantes etc etc , cobra pelo processo  pasteurização e vende pelo dobro. E quando chega ao supermercado você paga o leite, mais os impostos,   sem saber se vai levantar vivo no dia seguinte.

TOTALITARISMO: Você sonha em ter duas vacas.  Enquanto isso, se mata de trabalhar cuidando das vacas do  governo nessa esperança - de um dia ter as suas próprias.

ANARQUIA: Você tem duas vacas. Se não der o leite que seus vizinhos precisam, eles te matam para ficar com as vacas.

DITADURA: Você tem duas vacas. O governo confisca-as e fuzila você na frente de todo mundo para "inspirar" seus seguidores....

Adaptado NBB
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

FIQUE POR DENTRO