مرحبـاً Selamat Datang Welcome Bienvenue Добро пожаловать Bienvenidos Sejam Bem-vindos

quarta-feira, dezembro 24

DESÇA AO PORÃO NESTE NATAL

Penso que neste Natal, JESUS foi deixado no porão mais escuro do coração das pessoas, como sempre... Onde tudo que se deixa de lado e se quer esquecer que exista, são acumulados. Descida descer até este lugar e resgatar a sua verdadeira espiritualidade. Será que as pessoas notaram que o "menino" Deus, já não é mais menino, mas o "Filho do Homem", crescido e dotado de todo o poder? Estamos longe do verdadeiro sentido do "Glória a Deus nas maiores alturas" Porque nossos presentes nunca são para ele, mas para nós mesmos. Meu voto a favor de que se boicote todo tipo de presente fora dos padrões da singeleza de coração e digamos não para toda ostentação e vaidade sem sentido. Abaixo o materialismo que se faz do Natal. Deixemos a mídia pecar sozinha e arrastar incautos após si. Viva a verdadeira comunhão e a verdadeira fraternidade entre as pessoas. Desde quando presentes demonstram amor verdadeiro? Quem foi que falou que quanto mais caro o presente, maior amor demonstramos? Quem fez esta lista? Quem ditou as regras no natal? Seja vc mesmo e não se deixe arrastar pela mídia falsa e interesseira.

terça-feira, dezembro 2

TRAGÉDIA

A tragédia de Santa Catarina está parecendo coisa de Apocalipse. Que coisa terrível. Que experiência traumatizante as pessoas estão passando. Misericórdia.
E notei uma coisa interessante: É mais fácil as pessoas ajudaram e demonstrarem solidariedade numa tragédia desse porte, do que o próximo, aquele que bate na sua porta, ou alguém que conhecemos e que está passando necessidade. Esses dias ouvi um comentário que achei muito certo também: pessoas estão morrendo no sertão nordestino, sofrendo com uma seca terrível e o governo, ou as entidades ou ONGs com o poder de ajudar se calam diante desta situação de calamidade pública.

quinta-feira, novembro 27

A FALSA MÍDIA

Fico imaginando, ao ver algumas notícias transmtidas pela TV, o quão a mídia é um veículo de dissiminação do mal. Ela espalha com mais velocidade e é usada para incentivar a violência, o adultério, a pedofilia, as formas mais horrendas de se executarem os crimes que vemos por aí. A mídia, veladamente, tem cooperado com estas pragas. O ser humano é estimulado, mais pelo que vê, do que pelo que ouve, todos nós sabemos disso. O povo também é ávido por notícias ruins. Há um acúmlo de maldade neste mundo. Que Deus tenha misericordia de nós.


Brasão pessoal de Bento XVI
Muito esquisito
Um mouro (muçulmano) e um urso - que na Bíblia é um animal feroz, carnívoro, representa um inimigo, um opositor, um devorador de vidas,um governo ímpio.

terça-feira, novembro 25

O VATICANO E A MAÇONARIA

Vaticano e Maçonaria:


Como referi algumas vezes este site não tem teor religioso, contudo vou abordar o envolvimento do Vaticano com a Maçonaria e outras
sociedades secretas. Porque a verdade é o principal tema do site, as pessoas devem ser esclarecidas, embora a religião cristã representada
pelo Vaticano se assuma como única, pelo menos a mais importante, não deverá existir uma única religião. Todas são importantes.
Além do mais, é escandaloso o encobrimento de casos de pedofilia no Vaticano por mais de 40 anos !!!

A Nova Ordem Mundial É também um dos temas do site, e o Vaticano está empenhado noe stabelecimento da nova Ordem mundial .!

A verdade não está lá fora, está cá dentro ! Mas muito bem escondida...

A Igreja Católica Romana foi fundada oficialmente pelo Imperador pagão Constantino e pelo Bispo cristão Silvestre em 314, d.C., com o rótulo de cristã.
Foi constituída numa mistura ecumenica religiosa de cristianismo, judaísmo e paganismo.
A Igreja Católica, o Vaticano, tem vindo a fazer tudo o que é contrário á lei Divina.
Não preciso referir a chacina que fez a Inquisição, nem as alterações que fizeram aos 10 mandamentos, podemos debruçar-nos nos tempos recentes, desde escândalos de pedofilia dentro da igreja, maçons no Vaticano, entre mais.

O próprio papa Paulo VI afirmou, numa reunião de prelados, que

“A fumaça de Satanás penetrou no Santuário da Catedral de São Pedro”, e prosseguiu dizendo que “havia sido informado de que ali eram rezadas missas negras”.


Diante de milhares de assistentes ao Congresso Internacional de Fátima, no Ano 2000, o Arcebispo Milingo, exorcista e autor do bestseller “Face to Face With the Devil” (Cara a Cara com o Diabo), disse que a adoração a Satanás dentro da Igreja Católica Romana é

“a terceira dimensão do mal, sendo ela a mais perigosa de todas, porque é subtil e por demais tenebrosa”.

Nos Estados Unidos o catolicismo americano aliou-se á franco-maçonaria, a essa organização filiaram-se centenas de padres
e bispos.
Posso indicar várias atitudes erradas do Catolicismo.

-A Inquisição, milhares de pessoas eram torturadas, queimadas, em França foram queimadas mais de 17 mil mulheres.

"Calcula-se ... Uma média de 40.000 assassinatos religiosos por cada ano de existência do papado".
John Dowling, The History of Romanism, pág. 541-542.


"No dia 24 de Agosto de 1527, os Católicos Romanos da França, seguindo um plano premeditado, sob a influência jesuíta, assassinaram 70.000 protestantes durante o espaço de dois meses. O Papa regozijou-se ao escutar as notícias dos resultados exitosos." Western Watchman, 21 de Novembro de 1921


-A Igreja dizia ao povo que se livraria dos pecados se pagassem indulgências, receberam muitos donativos, e hoje têm toda a magnificência que conhecemos.

-Nos ultimos 50 anos, a Igreja Católica escondeu do público registos de abusos sexuais, pedofilia, violação de freiras e mais coisas nojentas que ocorrem na Igreja.

-A Igreja é contra o uso do preservativo, alegando que ele não é 100% eficaz, pois sabemos que é 98% eficaz, somente 2%
de falibilidade. O preservativo previne a sida, mas parece que o Vaticano não dá importância a esse pormenor.


Alteraram os 10 mandamentos, promovem a idolatria. O dia sagrado (Sábado) foi mudado para Domingo.

O I I mandamento dizia:

Não farás para ti imagem de escultura, nem semelhança alguma do que há em cima nos céus, nem embaixo na terra, nem nas águas debaixo da terra. Não te encurvarás a elas nem as servirás; pois Eu, o Senhor teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a maldade dos pais nos filhos até a terceira e quarta geração daqueles que Me odeiam, mas faço misericórdia até mil gerações daqueles que Me amam e guardam os Meus mandamentos.

A Igreja mudou-o e abreviou-o:
Não tomar o Seu santo nome em vão.
(Este é inspirado no I I mandamento, suprimiram o segundo, que proibia a idolatria).

O IV mandamento dizia:

Lembra-te do dia do sábado, para o santificar. Seis dias trabalharás, e fuás toda a tua obra, mas o sétimo dia é o sábado do Senhor teu Deus. Não Farás nenhum trabalho, nem tu, nem o teu filho, nem a tua filha, nem o teu escravo, nem a tua escrava, nem o teu animal, nem o estrangeiro que está dentro das tuas portas. Pois em seis dias fez o Senhor o céu e a terra, o mar e tudo o que neles há. mas ao sétimo daí descansou. Por isso abençoou o Senhor o dia de sábado, e o santificou.

A Igreja coloca-o em I I I, modificando-o:
Guardar os domingos e festas.

O segredo de Fátima ainda permanece em segredo, não dizem a verdade á humanidade, no ano 2000 João Paulo II veio a Portugal (santuário de Fátima) e revelou uma mentira descabida sobre o segredo de Fatima, que seria sobre o atentado á vida dele.
Somente isso? E para que tantos anos de segredo? Um segredo revelado ao mundo inteiro era somente sobre o atentado á vida de um simples homem? Sim porque o Papa é um homem como qualquer outro, ele não é Deus na Terra.


Aluns altos funcionários do Vaticano que eram Maçons:

O secretário particular do papa Paulo VI

O diretor-geral da Rádio Vaticano

O arcebispo de Florença

O prelado de Milão

O editor-assistente do jornal do Vaticano

O Cardeal Saraiva ( D. Frei Francisco de S. Luis),

O Arcebispo de Lacedemónia ( D. Marcos Soares Preto)

Sete bispos italianos

O abade da Ordem de São Benedito

O Cardeal Patriarca de Lisboa ( D. Manuel Bento Rodrigues da Silva).

Entre muitos mais. (centenas).



Em 27/11/1983, o papa João Paulo II promulgou uma bula que legalizou a participação dos católicos romanos nas sociedades secretas.

João Paulo II costuma algumas vezes mostrar-se com o ceptro de metal que ostenta na ponta a cruz vergada, com a imagem meio desvirtuada de cristo, um símbolo sinistro, usado pelos satanistas no século VI, que foi novamente colocado em uso ao tempo do Concílio Ecuménico Vaticano II. (concílio realizado na Igreja Católica, com os bispos de todo o mundo, desde 1962 a 1965, convocado pelo Papa João XXIII e encerrado pelo Papa Paulo VI).

Milhares de pessoas submissas aceitam o que diz a igreja, e nunca aceitarão algum tipo de informação contrária à mesma.

"Não temos mais direito de pedir razões à Igreja do que aquele que temos de perguntar a Deus Todo-Poderoso, como preliminar à nossa submissão. Deves aceitar com docilidade indiscutível qualquer instrução que nos dá a igreja." Cathollc World, agosto de 1871, pág. 589.


Os illuminati, a Maçonaria e Vaticano actuam conjuntamente para implementar a Nova Ordem Mundial.

A Igreja Católica Romana julga-se acima de todas as religiões, dona do mundo.

"Nós temos nesta Terra o lugar de Deus Todo-Poderoso."
dizia Papa Leo XIII, numa carta encíclica de junho de 1894.

Esta declaração do: The Catholic National, julho de 1895 chega a ser uma ofensa a todo o plano divino, comparar o papa (um simples mortal como nós) a Cristo!

"O papa não é somente o representante de Cristo, mas é o próprio Jesus Cristo oculto sob um manto de carne."
(diziam eles).



Vejam a arrogância destas palavras:

"Nós definimos a Santa Sé Apostólica (O Vaticano), e o Pontífice Romano têm a supremacia sobre todo o mundo."

Um decreto do Concílio de Trento, citado por Philippe Labbe e Gabriel Cossart, em "The Most Council"

A Igreja controla os seus milhares de fiéis através do medo, eles dizem que tudo o resto é do demonio, esoterismo, espiritualidade, orientalismo, é tudo coisa do demonio e quem adorar outras religiosidades está a pecar, quem pecar vai para o inferno eternamente, eles amedrontam os fiéis para os controlarem, essa é uma das bases da Nova Ordem.


Vaticano e Pedofilia :
O Vaticano elaborou há mais de 40 anos um documento confidencial , que revela uma política de total descrição em
casos de abusos sexuais cometidos por sacerdotes!
A denúncia foi feita pelo canal americano CBS, o documento escrito em 1962 pelo cardeal Alfredo Ottaviani, diz que qualquer pessoa que fale de casos de abuso sexual pode ser expulsa da Igreja. Refere-se ainda aos piores casos, incluindo ''abusos sexuais de jovens de qualquer sexo ou animais por sacerdotes''. Animais!?? Zoofilia no Vaticano !
Nos EUA a Igreja católica es´ta manchada pelos escândalos sexuais, o Arcebispo de Boston aceitou 85 milhões de dólares
para pôr fim a 542 processos por abuso sexual.
Uma investigação de 6 meses á arquiiocese de Boston, reconheceu cerca de 789 vítimas de abuso sexual que acusavam 237
sacerdotes da região. Declarou Tom Reilly (promotor-geral do Estado americano de Massachusetts).
Também haviam casos em Chicago, Mississipi nos EUA, e também outros países fora dos EUA.
O vaticano para evitar escândalos preferia tranferir os padres e manter silêncio sobre os escândalos de pedofilia !
Leia mais em : http://www1.folha.uol.com.br/folha/reuters/ult112u25659.shtml
e: http://www1.folha.uol.com.br/folha/mundo/papa-pedofilia.shtml

segunda-feira, novembro 24

Pregadores negros estão adorando o messias errado

“Entre vós haverá falsos doutores, que introduzirão encobertamente heresias …” (2 Pedro 2:1 RC)

O noticiário eletrônico Christian Newswire, em sua edição de 13 de novembro de 2008, relata que o pastor negro Jesse Lee Peterson está revoltado que a vasta maioria dos pastores negros americanos colocou Obama e sua pele negra na frente de Deus e dos valores cristãos.

Com a eleição de Barack Obama, pregadores negros estão celebrando nos Estados Unidos. O Rev. Jesse Lee Peterson, fundador e presidente da entidade Ação BOND, Inc., está repreendendo os pregadores negros por sua parte na eleição do candidato presidencial mais esquerdista da história americana:

“Noventa e seis por cento dos eleitores negros apoiaram Barack Obama e a maioria desses eleitores foi influenciada por pregadores negros a colocar sua raça na frente de seu país e de sua fé”, disse o Rev. Peterson. “Como é que os pastores que têm a obrigação de conduzir seus rebanhos a Jesus Cristo em vez disso os conduzem a um socialista como Obama? A verdade é que a maioria dos pastores negros não tem um relacionamento real com Deus e estão conduzindo suas congregações ao inferno. Esses líderes cegos ajudaram a eleger seu ‘messias’ negro. Acontece que esse ‘messias’ é o membro mais esquerdista do Senado dos EUA”, disse o Rev. Peterson.

Eis as posições do presidente eleito Obama em algumas questões importantes:

Ele crê que o aborto deve ser legalmente permitido durante os nove meses da gravidez sob qualquer circunstância, e declara que programas de educação sexual para crianças da pré-escola são ‘a coisa certa a se fazer’.

Ele prometeu abolir a Lei de Defesa do Casamento, uma lei federal para proteger o casamento, e permitir a legalização dos “casamentos” homossexuais nos 50 estados americanos.

Ele nomeará juízes ativistas ultra-esquerdistas que perverterão e interpretarão a Constituição dos Estados Unidos de forma errada.

Ele se comprometeu a apoiar a manifestação do homossexualismo, bissexualismo e transexualismo no exército, marinha e aeronáutica, inclusive alojamentos e chuveiros militares.

Eis o que influentes pastores negros disseram depois da vitória na eleição de Obama:

O Bispo T.D. Jakes, da Igreja Casa do Oleiro, disse que a campanha do Senador Barack Obama “incentivou, legitimou e deu inspiração não só para o povo dos Estados Unidos, mas também para o povo do mundo”.

Na Igreja Batista Abissínia do Harlem, o Rev. Calvin Butts convidou sua congregação para se levantar e “dar glória a Deus pela eleição”. Vários membros se levantaram e gritaram eufóricos: “Sim, nós podemos! Nós podemos!”

A pastora Shirley Caesar-Williams, cantora gospel que ganhou um Grammy, disse: “Há muito tempo estamos no fundo, mas Obama nos lavou a alma. Aleluia!”

O Rev. L. Lambert, da Igreja Bethel AME de Indianópolis: “Se já houve uma resposta ao clamor ‘quem virá em nosso socorro?’ Essa foi a resposta… Olhe para o que Deus fez”.

Na Igreja Unida Trindade de Cristo em Chicago, o Rev. Otis Moss, III, disse que comentou que sua igreja foi o lugar santo onde “Deus mexeu na alma de um jovem e o colocou no caminho para a presidência”.

O Rev. Peterson acrescentou: “Nos dezoito anos passados eu disse que a maioria dos pregadores negros não são chamados por Deus, mas em vez disso são chamados por suas mamães. Se já houve um tempo em que esse foi o caso, esse tempo é agora. A fim de que os negros americanos mudem de direção, eles precisam renunciar à sua ira e achar a verdade em si, não em pregadores corruptos e racistas nem de um Messias falso negro”.

Traduzido e adaptado por Julio Severo: www.juliosevero.com

AS ORIGENS SATÂNICAS DO COMUNISMO

As origens satânicas do comunismo

por Huascar Terra do Valle em 02 de outubro de 2004

Resumo: Engana-se quem pensa que o comunismo foi inspiração apenas de Karl Marx e Friedrich Engels.

© 2004 MidiaSemMascara.org

Quem inventou o comunismo? Karl Marx e Friedrich Engels? Engano! Esta é uma mentira que todos repetem. Marx e Engels foram apenas os lançadores do comunismo, em 1848, com o famoso manifesto, escrito por Marx, baseado em um rascunho de Engels.

O comunismo nasceu antes disso. Seu verdadeiro criador foi o quase desconhecido Moses Hess, guru tanto de Marx quanto de Engels, que os converteu, separadamente, ao novo credo.

Moses Hess (nome real Moritz Hess, um judeu apóstata, 1812/1875), ficou conhecido como o primeiro dentre os "jovens hegelianos" a admitir ser um comunista. Ele representava em Paris, de 1842 a 1843, o jornal radical Rheinische Zeitung (Gazeta do Reno), quando conheceu Karl Marx e, depois, Friedrich Engels. Depois de doutrinados por Hess, Marx e Engels se conheceram em Paris e, após muitos entendimentos, lançaram o Manifesto Comunista.

Segundo o pastor romeno Richard Wurmbrand, prisioneiro dos comunistas por quatorze anos, autor de vários livros, Moses Hess, antes de proclamar-se comunista, praticava ritos satânicos, particularmente a Missa Negra (vide "Marx & Satan", Living Sacrifice Book Co;1986, ISBN: 0891073795).

Existem várias versões da Missa Negra, entretanto, todas são praticadas por marginais que não se integraram na sociedade ocidental e que a praticam como uma manifestação de sua rejeição aos princípios da civilização ocidental.

Como ateísta, não creio nem em Deus nem no Diabo. Mas o que interessa é o que pensam os praticantes dos ritos satânicos. Eles acreditam em Deus e no diabo, porém, como inimigos dos cristãos adoradores de Deus, veneram Satan e fazem os mais apavorantes rituais para demonstrar sua rejeição aos que chamam “a elite dominante" ou, como Marx preferia chamá-los, os "burgueses".

A Missa Negra é uma paródia obscena da missa católica, objetivando obter poderes mágicos, geralmente com objetivos pérfidos. É o ritual mais impressionante dos ritos satânicos e dramatiza uma radical adoração do mal e uma rejeição absoluta dos valores judaico-cristãos. O que é considerado o "BEM" para a Civilização Ocidental", para eles é considerado o "MAL" e vice-versa. Na Missa Negra fazem tudo ao contrário. O crucifixo é exibido de cabeça para baixo e o símbolo do demônio é o pentagrama, ou seja, a estrela de cinco pontas, em cor vermelha, cor do sangue, símbolo do inferno, morada do demônio . Na missa negra o Padre Nosso é rezado de trás para diante. A imagem adorada, em vez de Jesus, é a do diabo. As roupas rituais são pretas e vermelhas e o avental do "sacerdote" exibe o demônio, sob a forma de um bode, com chifres e sangue escorrendo da boca. Praticam o batismo com água suja e a mesa da missa é substituída por uma mulher nua e a vagina é o tabernáculo, onde se coloca uma hóstia roubada de alguma igreja. Em vez de música sacra toca-se o tipo de barulho chamado "heavy metal" ou semelhante. Desnecessário dizer que drogas são consumidas abundantemente.

Horrendas orgias sexuais são praticadas, freqüentemente com sacrifícios de crianças, simbolizando a eucaristia, quando bebem seu sangue e comem sua carne. "Shemhaforash' é a palavra mágica para encerrar a orgia. Ficou famoso na História um certo Barão Gilles de Rais, marechal francês, que foi julgado e condenado pelo sacrifício de mais de cento e quarenta crianças, em rituais de Missa Negra, no Século XV. No entanto, até hoje, inclusive no Brasil, missas negras são praticadas, mesmo com sacrifícios de crianças, como às vezes são noticiadas pela mídia. Claro que a maioria das missas negras jamais são descobertas.

Pouquíssimas pessoas conhecem a importantíssima influência satânica de Moses Hess sobre Marx e Engels. Segundo o pastor Wurmbrand, ambos, antes de estudarem economia, iniciaram-se nos mistérios do satanismo, por meio de Moses Hess. Depois, se conheceram em Paris e iniciaram uma associação duradoura, que viria a mudar o mundo e fazer do Século XX o mais sangrento e conturbado de toda a História da Humanidade.

Recentemente, o assunto chamou-me a atenção porque o prefeito petista (eufemismo para "comunista") de Belo Horizonte inaugurou uma obra pública e, inacreditavelmente, fez dentro da mesma uma espécie de altar a um demônio conhecido como Javna, guardião do portão dos infernos, que, segundo a lenda, durante uma semana por ano, rouba dos jovens a energia vital para garantir sua imortalidade.

A inauguração deste templo satânico faz muito sentido. Satanismo e comunismo comungam com a mesma idéia, pois ambos rejeitam os valores morais da civilização ocidental. A palavra de ordem, de Lênin é conhecida: "quanto pior, melhor". Uma confissão descarada de satanismo.

Torna-se evidente que Marx e Engels, ambos graduados em satanismo, após longas lucubrações diabólicas, chegaram a uma versão light do culto ao demônio, sob o fraudulento nome de "COMUNISMO", capaz de confundir e atrair milhões de pessoas, inclusive intelectuais de nomeada. Bernard Shaw, Sartre, Saramago, Hobsbawm, Niemeyer, etc., caíram no conto do "comunismo" e se transformaram em sacerdotes do satanismo, dentro da safada política vermelha de cooptar inocentes úteis. No Brasil, comunistas entre a burritzia brasileira, incluindo as universidades, são legiões.

Conforme bem definiu o Pastor Wurmbrand, "O COMUNISMO NÃO PASSA DE UMA FACHADA PARA O SATANISMO", tornada palatável com uma série de baboseiras criadas por Marx, como "luta de classes", "mais valia", "materialismo histórico", "ditadura do proletariado", "justiça social", "estado final de perfeito comunismo" e outra idiotices. Na prática, como autêntico regime satânico, que adora o mal e não o bem, o comunismo representou o regime mais cruel e retrógrado de toda a história da humanidade, responsável pela tortura e morte de quase duzentos milhões de pessoas no século passado, além de retumbante fracasso financeiro e destruição do ambiente em dezenas de nações. O comunismo-satânico foi a maior desgraça que jamais atingiu a humanidade, embora, para enganar os trouxas, só fala em "paz", "justiça social" e outras mentiras.

No Brasil, agora em poder da esquerda, ou seja, dos adoradores do mal, pelo menos desde a fraudulenta constituição de 88 a criminalidade tem crescido exponencialmente, pois não existe "vontade política" para combatê-la, devido à inversão dos valores. Agora os bandidos são heróis satânicos! O MST, por exemplo, uma organização paramilitar, proibida pela constituição, age com a maior desenvoltura, com todo o apoio do governo, inclusive financeiro e o presidente até exibiu na cabeça o boné vermelho do MST, posando para a mídia. O pentagrama, símbolo do satanismo, do PT e do comunismo internacional, encontra-se até entronizado no jardim do Palácio do Planalto. Enquanto isso, o Ministério Público, "defensor da sociedade", que parece também contaminado com a inversão dos valores, enfia a cabeça na areia, como avestruz e finge que não vê a atividade criminosa do MST, incluindo quase duas mil escolas ensinando terrorismo e satanismo, sob o disfarce de marxismo. Seus heróis são os maiores e mais cruéis assassinos da história: Lênin, Stálin, Mao Tsé-tung, Guevara, Fidel Castro.

Como convém aos adoradores de Satan, o governo, sob a proteção do pentagrama satânico vermelho, está até desarmando a população honesta, para facilitar o trabalho dos bandidos. Alguém já teve notícia de algum bandido devolvendo a arma ao governo?

Tenho um conhecido comunista que saltou e dançou de alegria quando desabaram os prédios do World Trade Center, quando morreram quase três mil pessoas (mais do que em Pearl Harbor) e um certo ex-frei, paladino da "Teologia da Libertação" lamentou que não fossem 25 os aviões utilizados nos atos de terrorismo pois, segundo ele, se morressem mais americanos, "melhorariam as condições das favelas do Rio de Janeiro". Estas manifestações demonstram como o comunismo/satanismo é uma patologia mental gravíssima. Comunistas perdem toda a sensibilidade para com o sofrimento alheio, a ponto de Stálin ter declarado que a morte de milhões de pessoas não passa de mera estatística. Todo comunista é um "serial killer" em potencial.

Dois dos maiores assassinos de todos os tempos, Hitler e Stálin, parecem ter perdido toda a sensibilidade para com o sofrimento alheio devido a traumas pessoais. A sobrinha de Hitler, a grande paixão de sua vida, suicidou-se para livrar-se do monstro. Hitler vingou-se na humanidade. A primeira mulher de Stálin também se suicidou, com as mesmas conseqüências.

Sob os auspícios do Ministério da Educação, o satanismo há muito chegou às salas de aula. O ensino dos valores judaico-cristãos foi substituído pelo marxismo, um disfarce do satanismo. Os grandes heróis nacionais, tais como o grande Duque de Caxias, são esquecidos, e bandidos como Lamarca, Marighela, Prestes, Olga Benário, Guevara, Fidel Castro, são exaltados.

Os marginais dos anos sessenta, que tinham por objetivo entregar o Brasil a União Soviética, além de implantar a mais cruel ditadura e dizimar os patriotas, cometeram assaltos, seqüestros, assassinatos, torturas, propaganda maciça enganosa e, em vez de serem submetidos à corte marcial, por traição à Pátria, estão ocupando altos cargos na Nomenklatura petista e recebendo, por seus crimes, recompensas que já se aproximam dos dois bilhões de reais. Alguns chegaram até a ministros... da Justiça!

A inversão de valores desencadeada pelo comunismo satânico saturou de tal forma a sociedade que atingiu até as artes. Tanto na música popular quanto na erudita, com poucas exceções, a chamada música e pintura modernas, em minha opinião, em vez de produzir prazer estético, produzem apenas repugnância e perplexidade ante a decadência dos costumes. Agora, a arte, em vez de cultivar o belo, exalta o horrendo! Parodiando Lênin, diríamos que, agora, quando mais feio, mais lindo!

Após o fragoroso fracasso da União Soviética, em associação com o caquético ditador comunista Fidel Castro, assassino de milhares de patriotas, os comunistas do Brasil e de muitos outros países resolveram ressuscitar na América Latina o "Império do Mal" (a União Soviética), realizando anualmente o Foro de São Paulo. A primeira etapa seria conquistar a presidência do Brasil. Missão cumprida. Em seqüência, o governo, impregnado dos ideais satânicos, além de desarmar a população honesta, quer controlar a mídia, o cinema, os livros didáticos (doutrinação satânica) e breve toda a produção intelectual. Principalmente depois de receber seu luxuoso avião de 150 milhões de reais, Lula continuará a viajar pelo mundo organizando um novo eixo do mal, contra os Estados Unidos, conforme denunciou Constantine Menges, tão prematuramente falecido.

Porém, parece que o mais perigoso covil onde se abriga, no Brasil, os mais peçonhentos representantes do comunismo satânico são as Comunidades Eclesiais de Base, que parecem ser a mola propulsora de TODOS os movimentos comunistas do Brasil, desde o PT e a CUT até as invasões dos bandidos disfarçados em "sem-terra".

Aliás, a Igreja Católica, no Brasil, em quase sua totalidade, parece ter-se bandeado para as hostes do mal, o que não seria de estranhar, pois todos eles já foram excomungados automaticamente, segundo proclamação, de 1949, do papa Pio XII, aplicável a todos aqueles que, DE QUALQUER MANEIRA, ajudarem movimentos comunistas. Breve encontrão o demo, cara a cara, de acordo com suas crenças. Não é à toa que tantos católicos estão se bandeando, cada vez mais, para denominações protestantes e evangélicas. Já que o Brasil está perdido, querem, ao menos, salvar a alma...

Links para esta postagem

Hitler foi escondido em capa dos Beatles




Alguém consegue visualizar na foto? Eu não consegui!!

NOTÍCIAS NO MÍNIMO INUSITADAS



Estátua de Galileu será erguida no Vaticano
Cientista, que foi condenado por heresia pela Igreja Católica há 400 anos, agora será homenageado.
(Fonte: Estadão) - Quatrocentos anos após condenar Galileu por heresia, o Vaticano tenta se redimir erguendo uma estátua do cientista em plena sede da Igreja Católica. O monumento ficará exposto no jardim do Vaticano, numa região próxima ao apartamento em que Galileu viveu como prisioneiro, segundo informou o site americano Slashdot.

O cientista foi mantido ali enquanto aguardava seu julgamento, em 1633, por defender o heliocentrismo: a teoria que afirmava que a Terra girava entorno do Sol.

A decisão da Igreja coincide com a série de celebrações que estão sendo organizadas para comemorar o aniversário de 400 anos do telescópio, invenção aperfeiçoada para uso científico por Galileu.

Em janeiro, o papa Bento XVI cancelou sua visita a Universidade de Sapienza,em Roma, depois que alguns estudantes o acusaram de ser defensor da inquisição e de ter concordado com a condenação de Galileu. O Vaticano declarou que o papa tem sido mal interpretado.

VATICANO "PERDOA" os Beatles por se considerarem mais famosos que Jesus

No aniversário de 40 anos do lendário ‘Álbum branco’, Igreja reavalia declaração polêmica de John Lenon.


A Igreja Católica anunciou nesta sexta-feira, 21, em seu jornal oficial, “L’Osservatore Romano”, o perdão a John Lennon por ter declarado nos anos 1960 que os Beatles eram mais famosos que Jesus Cristo.

A informação veio em uma reportagem para marcar os 40 anos do lançamento do “Álbum branco” e considera a declaração “a bravata de um jovem da classe trabalhadora inglesa impressionado com o sucesso, após crescer sob o mito de Elvis Presley”.

O artigo reavalia a importância desse disco histórico após recordar seu processo de criação. “O disco nasceu quando o Fab Four estava em crise como grupo”, diz a publicação, que critica música pop de hoje. “Atualmente, os produtos discográficos são padronizados e estereotipados, muito distantes da criatividade dos Beatles”, afirma a reportagem.

(Fonte: Ego)
Dá para acreditar? Quando é que a ICR tem autoridade para conceder perdão, isso só JESUS CRISTO TEM. Quando é que se concede perdão a uma pessoa que se quer manifesta algum sentimento de pesar ? É de fazer rir tal declaração.

VATICANO ELOGIA legado musical dos Beatles




SÃO PAULO - A polêmica frase de John Lennon, situando os Beatles como ?mais famosos do que Jesus Cristo?, em 1966, sempre incomodou aos católicos e aos cristãos de modo geral. Polêmicas à parte, agora o Vaticano reconhece a importância do legado musical da banda, a propósito dos 40 anos do ?Álbum Branco?. Na edição de sábado do diário L?Osservatore Romano justificou de alguma maneira a controvertida frase de Lennon, que ?era então um jovem lidando com um êxito opressor e inesperado?. Sobre o ?Álbum Branco?, o jornal disse que o disco demonstrou a criatividade do grupo, ressaltando a diferença dos padrões estereotipados do que se produz hoje. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo

Desde quando os Beatlles foram uma boa influência sobre os jovens? Incitava os jovens à rebeldia, isso sim....


Vaticano aceita evolução, contudo não chega ao ponto de pedir perdão a Darwin




Que é isto ?? Uma cruz invertida?

.Antigamente era considerado pecado
bocejar duranTe a missa. O Papa
fê-lo em Malta perante a missa com
200 mil pessoas (9/05/2001)


PADRES POSANDO PARA CALENDÁRIO DO VATICANO? E PODE ISSO?



CALENDARIO ROMANO
INTERNATIONAL DISTRIBUTION

o CALENDARIO ROMANO 2009

di di

Piero Pazzi Piero Pazzi

the most typical souvenir from Rome o mais típico souvenir de Roma

WHERE CAN YOU FIND IT ? Onde você pode encontrá-la?

in all kioscos and souvenir store of Rome and Venice or for e-mail: p.pazzi@libero.it em todos os kioscos e loja de souvenir Roma e Veneza ou para o e-mail: @ p.pazzi libero.it

The price of the CALENDARIO ROMANO 2009 is 10,00 (ten) Euros (fine included). O preço do CALENDARIO ROMANO 2009 é 10,00 (dez) Euros (multa incluído).

WHAT IS IT? O que é?

The CALENDARIO ROMANO 2007 joint to pictures it also contains generical informations about of the Vaticano State O CALENDARIO ROMANO 2007 conjuntas de imagens que também contém informações sobre generical do Estado Vaticano

sábado, novembro 22

TESTEMUNHOS QUE TOCAM...

O seqüestro

Publicado em 5/23/2008 9:57:53 AM

Josilaine Simões
Acervo de testemunhos do JesusSite

Mesquita - RJ

No ano de 2000, fui pega por um homem, que pôs uma arma em meu pescoço e disse pra eu ir com ele, pois estava afim de me violentar e em seguida iria me matar.

Ao chegar em sua casa, comecei a orar e ele percebendo que eu era evangélica, disse que não iria fazer mais nada comigo, pois respeitava os filhos de Deus.

Falei do amor de Deus para ele, e, acreditem! Ele se converteu para honra e glória de nosso Senhor Jesus!

Fiquem na paz de Deus!!

Cereal Molhado

O seguinte incidente é uma das maravilhas da resposta à oração.
Certo crente fervoroso e de oração encomendou a Deus numa manhã de Primavera, como habitualmente fazia, todos os seus, e em seguida pôs dois sacos de centeio em cima do carro e partiu para o moinho que ficava a algumas léguas de distância. Antes de chegar ao moinho tinha que atravessar uma ponte, sem gradeamento, apenas com uns fracos resguardos nas extremidades das pranchas. A meio da ponte, o cavalo parou e começou a relinchar; o condutor saltou do seu lugar e procurou acalmar o animal, continuava espantado, até que as rodas traseiras do carro deslizaram por um dos lados da ponte e os sacos caíram na água. O cavalo acalmou-se, então, e o carro ficou suspenso no ar pelas rodas da frente, que se prenderam no resguardo. Apareceram logo alguns homens para retirarem a carroça da situação crítica em que se encontrava e os sacos de centeio da água. Meia hora depois o crente regressava a casa com os sacos molhados a fim de secar o cereal para mais tarde moer. Ninguém em casa do servo de Deus podia compreender a razão do cavalo se Ter espantado, visto nunca tal Ter acontecido com o animal. Além disso eram pessoas de fé no poder da oração; parecia um mistério. Pensaram então em por o centeio ao sol, para secar, e ao espalhá-lo sobre panos, notaram corpos estranhos a brilhar ao sol, misturados com o cereal. Examinados , os quais se verificou serem fragmentos de vidro, o bastante para causar a morte de todos os membros da família se o centeio tivesse sido moído e panificado. Deus tinha preservado a vida de Seus filhos.
Como explicar a presença de resíduos de vidro no centeio? Não foi difícil. O cereal fora durante algum tempo guardado num depósito ao ar livre. Junto dele vinham os homens afiar, ou amolar, as suas ferramentas, empregando às vezes nesse trabalho vidro moído, para lhes dar brilho, e os resíduos de vidro resultantes desse serviço forma-se acumulando sem que ninguém suspeitasse disso. Não havia poder humano capaz de evitar a tragédia da morte de toda a família, se o centeio com os vidros tivesse sido moído.

O Cão do Missionário

Um missionário, de férias em Inglaterra, seu país natal, comprou um pequeno cão em bronze que levou para a Birmânia - seu campo de atividade. Colocou a estátua bem em evidência diante de sua porta. Os homens da aldeia fortemente intrigados, interrogaram o evangelista:
-Por que pusestes estação diante da tua porta?
- Porque muitas vezes fico sozinho em casa: tenho necessidade de um cão que me proteja e, à noite, me avise do perigo.
- Mas o teu cão não vê nada, não entende, não ladra e não morde. Como poderá ele proteger-te contra os ladrões? ... O teu cão é apenas um bocado de bronze!
- Pois, pois! Diz o missionário, e os vossos ídolos de que são feitos? De madeira, de pedra e metal. Eles não vêem, nem entendem mais do que o meu cão. E vós vos prostrais diante deles, adorando-os, pretendendo que eles vos protejam ! Quantas vezes vos tenho dito que só Deus é o verdadeiro Deus, que deu o Seu Filho por vós, a fim de que todo aquele que nEle crê tenha a vida eterna? Abandonai esses falsos ídolos e voltai-vos para Deus.
A multidão dispersou-se silenciosa e pensativa. E cada vez que um pagão adorador dos falsos deuses passava diante da porta do missionário, o cão de bronze parecia dizer-lhes: "Assim são todos os teus ídolos ".
O leitor pensará talvez, que aqui não há qualquer ensinamento para nós. Não somos pagãos, mas a advertência do apóstolo João é sempre atual: "Guardai-vos dos ídolos " ( I Jo 5:21) Os ídolos escondem-se sob os nomes bem conhecidos: dinheiro, ciência, ambição , luxúria, beleza, sexo e muitos outros. Eles ocuparão o nosso espírito e o nosso coração; um lugar que só pertence a Deus.
"Leituras Cristãs" Lisboa

quinta-feira, novembro 20

COISAS QUE A BÍBLIA DESAPROVA


REZAR PELOS MORTOS
Bíblia Católica
Dt 18:10 Não se ache no meio de ti quem faça passar pelo fogo seu filho ou sua filha, nem quem se dê à adivinhação, à astrologia, aos agouros, ao feiticismo,
11 à magia, ao espiritismo, à adivinhação ou â invocação dos mortos(invocam Maria, todos os santos etc etc - prática espírita, portanto, muito difundida na ICR. Mas o clero católico é que terá que responder mais severamente diante de Deus, pois eles tem feito errar o povo. A balança deles pesará mais do que os membros da dita igreja - A Grande Meretriz de que fala a Bíblia. Ai destes, que deturpam a Palavra de Deus para a sua própria perdição.

12 porque o Senhor, teu Deus, abomina aqueles que se dão a essas práticas, e é por causa dessas abominações que o Senhor, teu Deus, expulsa diante de ti essas nações.
Jr 229 E ser-lhes-á respondido: Porque seus habitantes abandonaram a aliança com o Senhor, seu Deus, prostrando-se ante outros deuses e a eles rendendo culto.
10 Não choreis o morto, nem por ele vos lamenteis. Chorai, chorai antes sobre aquele que parte, e que não voltará mais, nem tornará a ver o país natal.
Hb 9:27 Como está determinado que os homens morram uma só vez, e logo em seguida vem o juízo,

quarta-feira, novembro 19

ESTUDO - COMO TOMAR DECISÕES

COMO TOMAR DECISÕES –
Texto Básico - Joel 3:14 - Vale da Decisão

Introdução
Umas das áreas mais difíceis de nossa vida, é como DECIDIR
Estamos sempre tomando decisões.
Qual é a melhor maneira para se decidir?

1 - A MAIOR DECISÃO: SALVAÇÃO
I Tm 2:1-5 Deus deseja que todos sejam salvos
Mas, por que ser salvos? Rm 3:23 Porque todos pecaram...
Rm 6:23 Porque o salário do pecado é a morte
Hb 2:1-4 At 26:24-29 2 Co 3:1-6

2 - ALGUMAS MANEIRAS POPULARES PARA TOMADAS DE DECISÕES
Pelas emoções: Eu sinto que...
Pelas impressões Eu acho que...
Pelas influências externas - Me disseram que...
Pelos jogos de superstição Se der sorte eu...

3 - ALGUMAS POSSÍVEIS CONSEQÜÊNCIAS DO ITEM ANTERIOR
Erros reparáveis Jr 17:9
Erros irreparáveis Mt 27:4
Vida particular prejudicada
Vida coletiva prejudicada Js 7:1
Sentimento de culpa
Frustrações

4 - ALGUNS ITENS A SEREM OBSERVADOS ANTES DE SE DECIDIR

A Bíblia tem resposta para todas as decisões
O Cristão decide baseado no amor de Cristo Jo 14:15
O cristão busca, antes de tudo, honrar a Cristo. I Co 10:31 Fp 4:8
O cristão decide baseado na comunhão com Deus (orar antes) Jo 15:7 Sl 1:2,3
O cristão decide ouvindo a opinião dos irmãos consagrados At 9:23-25 Pv 24:6 Pv 15:22
O cristão decide considerando as autoridades instituídas por Deus. Rm 13:1-4 Ef 6:1,2
O cristão decide considerando as circunstâncias At 1:6,7 Tt 2:6
O cristão decide a base de fé Hb 11:33

5 - CONCLUSÃO

Resultados que se obtém quando se decide assim: Fp 4:7

Sabemos que muitos cristãos não decidem assim; porque conhecem a verdade, mas porque procuram os seus métodos e não os de Deus.
Coração do povo está inclinado a desviar-se Oz 11:7 Pv 21:16

sábado, novembro 8

ESSA FOTO É CHOCANTE



As pessoas, por uma questão de ignorância e cegueira espiritual, dão mais valor a ratos imundos do que a crianças. É de despertar em nós uma compaixão e uma profunda tristeza, por estarem cometendo tais atitudes reprováveis. É de se lastimar.

sexta-feira, novembro 7

COISAS BIZARRAS DAS QUAIS DEUS NÃO SE AGRADA


Ruben Enaje, 45 anos, é pregado à cruz pelo vigésimo ano durante o festival de Lenten. Enaje faz o sacrifício como agradecimento a Deus por ter sobrevivido a um acidente quando trabalhava como operário de construção. (AP Photo/Aaron Favila). 2006 era para ser o último ano de sua crucificação, pois Enage tinha prometido cumprir a penitência 20 vezes quando se salvou milagrosamente, segundo ele, de uma queda de um andaime, mas cada vez que tentou deixá-lo após cumprir a promessa alguém de sua família caía doente. Em 2008 Enage foi crucificado novamente e ele diz que vai ser assim até seu corpo aguentar.

Vale ressaltar, que a ICR não vê com bons olhos essas atitudes, mas também não faz nada para instruir ou esclarecer seus adeptos. E eles continuam em sua ignorância. Pobres Filipinos. Isso é o que a ICR perde por não ensinar a genuina doutrina Bíblica.



VALE À PENA LER E ASSISTIR...

Eu li o livro e assisti ao filme mais de 5 vezes. Eu recomendo...




Uma família luta contra o terror nazista com a única arma que eles conhecem... o amor!
a história verídica de Corrie Ten Boom, uma holandesa cristã que durante a Segunda Guerra Mundia organizou e liderou uma unidade de esconderijo na Holanda para ajudar os judeus a escaparem das forças nazistas.


Mas quando a polícia secreta alemã descobre seus planos, Corrie experimenta toda a intensidade da brutalidade em Ravensburk, campo de concentração nazista para mulheres. Enfrentando humilhação, opressão e sofrimento, ela testemunha que o amor é ainda mais forte que o ódio.

QUESTÃO DE OBEDIÊNCIA!

às vezes em que me sento para ver algum programa religioso na televisão, fico boquiaberta. Programações religiosas para todos os gostos. Todas tem uma coisa em comum: expressam sua "crença" ou "simpatia" por JESUS CRISTO. Mas há um enorme abismo, entre citar JESUS e ser um seguidor do mesmo. Não consigo entender como as pessoas podem falar de alguém, sem conhecê-lo ou obedecer aos seus ensinamentos.
JESUS CRISTO mesmo diz: "Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda, esse é o que me ama". “Enquanto Jesus dizia estas coisas, uma mulher da multidão exclamou: Feliz é a mulher que te deu à luz e te amamentou” Mas JESUS a redargüiu assim – Lucas, capítulo 11, versículo 28: “Antes, felizes são aqueles que ouvem a palavra de Deus e lhe obedecem.”
Resultado: verdadeiros seguidores de JesuS se enquadram é no verso
Sereis odiados de todos por causa do meu NOME; aquele, porém, que perseverar até ao fim, esse será salvo. ( Marcos 13:13 )

VOCÊ FAZ PARTE DA ESTATÍSTICA DOS MATERIALISTAS?

Vivemos uma geração enlouquecida; desprovida de compaixão, materialista em extremo. Falar em dinheiro perto das pessoas é como acender o pavio de uma dinamite. As pessoas estão mais preocupadas em defender o que é seu, o que lhe pertençe e o que venha satisfazer seus sonhos de consumo Outro dia, num supermercado, uma compradora estava passando com um produto, em que estavam faltando alguns poucos reais para que ela pudesse levar a mercadoria. Já ia devolvê-la, quando prontamente tirei da minha carteira o que faltava e dei para a moça do caixa. Por favor, falei: " Nao vou ficar mais pobre e nem mais rica com isso". E ela foi embora levando seu objeto. Olhou para mim como se fosse a coisa mais absurda do mundo fazer isso por alguém. Era uma coisa mínima. Não tenho que receber nenhum aplauso por isso. Essa atitude deveria ser a coisa mais normal do mundo entre seres humanos pecadores e falíveis como eu e qualquer um, mas dar um presente prá uma criança, ou uma coisa prá alguém sem esperar nada em troca, está virando coisa do outro mundo. Ou então, vão dizer que vc é um pedófilo. ehehehehehehehe

JAMAIS DEIXAR JESUS!

Marcos 8: 38
Porque qualquer que, nesta geração adúltera e pecadora, se envergonhar de mim e das minhas palavras, também o Filho do Homem se envergonhará dele, quando vier na glória de seu Pai com os santos anjos.

quinta-feira, novembro 6

NÃO PODEMOS DEIXAR CAIR NO ESQUECIMENTO







PARECE IMPOSSÍVEL!!!




O General Dwight D. Eisenhower
tinha razão ao ordenar
que fossem feitos
os filmes e as fotos.




Exactamente, como foi previsto há cerca de 60 anos…


HOLOCAUSTO



É uma questão de História lembrar que, quando o Supremo Comandante das Forças aliadas, General Dwight D. Eisenhower encontrou as vítimas dos campos de concentração, ordenou que fosse feito o maior número possível de fotos, e fez com que os alemães das cidades vizinhas fossem guiados até aqueles campos e até mesmo enterrassem os mortos.



E o motivo, ele assim explanou:

“Que se tenha o máximo de documentação – façam filmes – gravem testemunhos – porque há-de vir um dia em que algum idiota se vai erguer e dizer que isto nunca aconteceu”.




'Tudo o que é necessário para o triunfo do mal, é que os homens de bem nada façam'.

(Edmund Burke)



Recentemente, o Reino Unido removeu o Holocausto dos seus currículos escolares porque 'ofendia' a população muçulmana, que afirma que o Holocausto nunca aconteceu...COITADINHOS DOS MUÇULMANOS...





Este é um presságio assustador sobre o medo que está a atingir o mundo, e o quão facilmente cada país se está a deixar levar.


Passaram mais de 60 anos do fim da Segunda Guerra Mundial.



Este alerta é em memória dos 6 milhões de judeus, 20 milhões de russos, 10 milhões de cristãos, e 1900 padres católicos que foram assassinados, massacrados, violentados, queimados, mortos à fome e humilhados, enquanto Alemanha e Rússia olhavam noutras direcções.



Agora, mais do que nunca, com o Irã, entre outros, sustentando que o 'Holocausto é um mito', torna-se imperativo fazer com que o mundo jamais esqueça.




Anne Frank - testemunha comovente de um fato que não pode ser negado, nem por muçulmanos ignorantes.

quarta-feira, novembro 5

UM ERRO SIGNIFICATIVO

Embora Carmem ainda bem jovem, aparentasse não ter falta de nada, ela era profundamente infeliz. Percebia que era uma pecadora e que, se morresse de repente, jamais estaria diante de Deus, por causa da culpa que a esmagava. Por um tempo, viveu cativa do terror da morte. Um amigo a convidou para assistir um concerto, pensando assim, trazer um pouco de alívio para o seu sofrimento. Apesar de Carmem não ver qualquer proveito nisso, concordou em ir.
Ela não prestu atenção ao horário do concerto. Ao invés de uma multidão, viu apenas umas poucas pessoas entrando em uma pequena sala e, sem atentar para o que fazia, ela as seguiu. Sentou-se e então se deu conta de quão estranho era o lugar. A sala era mobiliada e decorada com bastante simplicidade. O comportamento dos presentes era solene. Ninguém pediu para ver o ingresso dela. Alguém anunciou que seria cantado um hino. Carmem percebeu seu erro e decidiu sair da sala assim que o hino terminasse. Estava pronta para fazer isso quandou deixou cair o guarda-chuva, fazendo um enorme barulho, e todos olharam para ela. Carmem rapidamente se sentou de novo.
Então as pessoas se levantaram para orar. Essa era uma experiência nova para ela; o evangelista pediu a Deus que abençoasse a pregação. Jamais ouvira algo parecido com isso. Agora ela não poderia escapar. A mensagem do Evangelho da graça respondeu as questões que a atormentavam e encheram o seu coração com uma nova esperança da qual tanto necesitava. Aquele foi o "erro" mais maravilhoso de toda a vida de Carmem...
Extraido Boa Semente - Devo. 2007

terça-feira, novembro 4

UMA MULHER DE DEUS


Madame Guyon
Jeanne-Marie Bouvier de la Motte-Guyon (1648-1717), nasceu na França, foi educada em conventos e desde pequena demonstrou desejo de ser fiel ao Senhor. Mas, por ser muito bonita e por ser atraída pelo mundo, muitas vezes esqueceu suas promessas de fidelidade a Jesus.
Casou-se com um homem inválido, 22 anos mais velho que ela, em 1664. Isso levou-a a buscar comunhão íntima com Deus. Em 1668, teve a plena experiência de sua salvação pela fé em Cristo. Depois disso perdeu o interesse pelas coisas mundanas e gastava seu tempo em oração. Em 1970, foi vítima da forma mais virulenta de varíola, que destruiu sua beleza. “Mas a devastação exterior foi contrabalançada pela paz interior”, ela testemunhou.
Até 1676, sofreu a perda de filhos, do marido, do pai e de uma grande amiga. Porém, tudo isso serviu apenas para que ela aprofundasse sua experiência com Deus. De 1674 a 1680 ela perdeu a presença de Deus, aprendendo, então, a andar por fé, não por sentimentos. Após isso, levou muitos à regeneração e a experiência da “morte do ego”. O grande número de pessoas que, após ter contato com Madame Guyon, deixaram o mundanismo, o pecado e se consagraram a Deus despertou o ciúme de líderes católicos e mestres mundanos, que passaram a perseguir Guyon, Fénelon e La Combe, membros do clero católico que receberam sua ajuda.
Foi denunciada como perigosa e seguidora de Molinos (aprisionado na mesma época, por escritos similares, que atacavam o vaticano e o papa). Em conseqüência, foi presa e permaneceu na prisão por meses. O rei Luís XIV pediu pessoalmente ao Bispo Bossuet, o maior e mais famoso eclesiástico da França, que a examinasse. Este “exame” se transformou numa inquisição mental. Bossuet, a mente mais poderosa da França, achava estar lidando com uma mulher tola. Ele pretendia acabar logo com ela. Em lugar disso, encontrou uma pessoa à sua altura, ou até melhor que ele, o que o deixou enfurecido. As conclusões de Bossuet a respeito desta mulher “perigosa” levaram Luís XIV a prender Jeanne Guyon, sem ao menos inquiri-la ou notificá-la a respeito. Mesmo com seu escritos condenados pelo alto clero católico, Madame Guyon continuou seus ensinamentos e por isso foi detida quatro vezes, a última das quais por quatro anos (1694-1702). Escreveu cerca de sessenta obras e compôs poemas e hinos como: “Eu amo o Senhor, mas não com meu amor” e “Longo mergulho na Aflição”. Escreveu cartas para católicos e protestantes na França, Holanda, Alemanha e Inglaterra.
Seus escritos como “Torrentes Espirituais”, “Experimentando as Profundezas de Jesus Cristo” e “Experimentando Deus através da Oração”, cheios de realidade espiritual, influenciaram grandemente Jessie Penn-Lewis, que os comentou, e homens como John Wesley e Watchman Nee.
Um Pássaro na Gaiola

1. Sou um passarinho, sem campos, sem ar
Na minha gaiola sento-me a cantar
Para Quem aqui me aprisionou.
Bem satisfeito prisioneiro sou
E assim, meu Deus, quero Te agradar.

2. Aqui, nada tendo para realizar,
Todo o longo dia só posso cantar.
As minhas asas Ele amarrou,
Mas o meu canto muito O agradou,
Ainda Se curva pra me escutar.

3. Tu tens paciência para me escutar,
E um coração pronto para a mim amar.
Gostas de ouvir meu rude louvor
Pois sabes que o amor, quão doce amor!
Inspira todo esse meu cantar.

4. Preso na gaiola não posso sair,
Mas minha prisão não pode me impedir
A liberdade do coração
Que sempre voa em Tua direção,
Minh´alma livre, a Ti vai se unir.

5. Oh! Que gozo imenso poder me elevar
Para as alturas a Ti contemplar.
Tua vontade e desígnio amar
Minha alegria neles encontrar,
Livre, em Teus braços me aconchegar

Madame Guyon

sábado, novembro 1

DANDO O QUE PENSAR!

Estava pensando no caso "Eloá", e fiquei relembrando a tragédia envolvendo a vida dessa jovem. Já foi de encontro à eternidade. Deixou parte de si mesma com algumas pessoas. Gesto nobre da família. Penso que todo criminoso deveria também doar alguma coisa em vida. Não somente pagando, com seu encarceramento. Todo criminoso, devidamente julgado e condenado, deveria doar um rim.

HÁ UMA ESPERANÇA - ELA SE CHAMA: "JESUS CRISTO"

Assistindo a partes do programa da Gimenez sobre homossexualidade, em que duas mulheres exibiam um beijo; pude constatar que para as pessoas, quanto mais se puder expandir os desejos humanos,melhor. O certo é não se reprimir. Entre um "inocente" beijo homossexual e uma criança passando fome, o que é preferível? Esse é um argumento mais dramático do que prático. Todos alí estão num "palco", atuando com seus respectivos personagens. A realidade das ruas, das casas, dos hospitais e da vida em geral é bem diferente.
O problema, é que entre um "simples" beijo dessa natureza, há, antes de tudo o descontentamento de Deus - sua completa condenação. Pois é, a Palavra de Deus é expressamente contra tal relacionamento. Se não creêm nesta Palavra, o problema já não é nosso, mas delas mesmas. Existe a AIDS, que avassaladoramente tem ceifado vidas. Existe a promiscuidade, a pedofilia (pois muitos homossexuais o são) - que tem gerado muitos homossexuais. Por trás de um simples beijo, existe uma escolha de vida cheia de frustações, imoralidades, depressões e desiquilíbrios psicológicos muitas vezes ignorados pela maioria das pessoas. E que só é vivida pelo homossexual carente da graça de Deus. Que todo homossexual possa descobrir a tempo, que há solução amorosa de Deus para cada um de seus problemas, inclusive para sua tendência sexual. Deus condena o pecado, jamais o pecador. Por isso, o constante apelo de Jesus Cristo: "Arrependei-vos e crede no evangelho".

segunda-feira, outubro 27

500 ANOS DE VITÓRIA SOBRE O DOMÍNIO CATÓLICO ROMANO

31 DE OUTUBRO - Marco extraordinário da História.

LUTERO - Homem que Deus levantou para restaurar a sua igreja.
Lutero revoltou-se com todo o "mercado" que a igreja fazia vendendo indulgências para construir seus templos, entre outros abusos. A partir de então lançou as bases da Reforma. Em 31 de outubro de 1517 ele fixou 95 teses na porta da igreja de Wittemberg, seguindo um costume medieval, e deu início a um movimento de reavaliação. As bases da Reforma lançadas por Lutero são três: 1) Só a Escritura (sola scriptura) - Defendia a autoridade das Escrituras, do texto bíblico, em questões de fé, acima da autoridade absoluta do papa; 2) Só a graça (sola gratia) - O perdão dos pecados é dado por Jesus, mediante arrependimento e confissão e não pela compra desse perdão pelas indulgências que a igreja vendia para sustentar seu luxo; 3) Só a fé (sola fide) - O homem não é justificado pelas obras, mas pela fé em Jesus.





John Huss - queimado vivo pela "santa inquisição" Católica Romana.




CALVINO - PERSONAGEM importantíssimo da Reforma





Com um desejo ardente de trazer a verdade à luz, as seguintes teses serão defendidas em Wittenberg sob a presidência do Rev. Frei Martinho Lutero, Mestre de Artes, Mestre de Sagrada Teologia e Professor oficial da mesma. Ele, portanto, pede que todos os que não puderem estar presentes e disputar com ele verbalmente, façam-no por escrito.

Em nome de Nosso Senhor Jesus Cristo.

Amém.

AS FAMOSAS 95 TESES DE LUTERO
1. Ao dizer: "Fazei penitência", etc. [Mt 4.17], o nosso Senhor e Mestre Jesus Cristo quis que toda a vida dos fiéis fosse penitência.

2. Esta penitência não pode ser entendida como penitência sacramental (isto é, da confissão e satisfação celebrada pelo ministério dos sacerdotes).

3. No entanto, ela não se refere apenas a uma penitência interior; sim, a penitência interior seria nula se, externamente, não produzisse toda sorte de mortificação da carne.

4. Por conseqüência, a pena perdura enquanto persiste o ódio de si mesmo (isto é a verdadeira penitência interior), ou seja, até a entrada do reino dos céus.

5. O papa não quer nem pode dispensar de quaisquer penas senão daquelas que impôs por decisão própria ou dos cânones.

6. O papa não tem o poder de perdoar culpa a não ser declarando ou confirmando que ela foi perdoada por Deus; ou, certamente, perdoados os casos que lhe são reservados. Se ele deixasse de observar essas limitações, a culpa permaneceria.

7. Deus não perdoa a culpa de qualquer pessoa sem, ao mesmo tempo, sujeitá-la, em tudo humilhada, ao sacerdote, seu vigário.

8. Os cânones penitenciais são impostos apenas aos vivos; segundo os mesmos cânones, nada deve ser imposto aos moribundos.

9. Por isso, o Espírito Santo nos beneficia através do papa quando este, em seus decretos, sempre exclui a circunstância da morte e da necessidade.

10. Agem mal e sem conhecimento de causa aqueles sacerdotes que reservam aos moribundos penitências canônicas para o purgatório.

11. Essa cizânia de transformar a pena canônica em pena do purgatório parece ter sido semeada enquanto os bispos certamente dormiam.

12. Antigamente se impunham as penas canônicas não depois, mas antes da absolvição, como verificação da verdadeira contrição.

13. Através da morte, os moribundos pagam tudo e já estão mortos para as leis canônicas, tendo, por direito, isenção das mesmas.

14. Saúde ou amor imperfeito no moribundo necessariamente traz consigo grande temor, e tanto mais quanto menor for o amor.

15. Este temor e horror por si sós já bastam (para não falar de outras coisas) para produzir a pena do purgatório, uma vez que estão próximos do horror do desespero.

16. Inferno, purgatório e céu parecem diferir da mesma forma que o desespero, o semidesespero e a segurança.

17. Parece necessário, para as almas no purgatório, que o horror devesse diminuir à medida que o amor crescesse.

18. Parece não ter sido provado, nem por meio de argumentos racionais nem da Escritura, que elas se encontrem fora do estado de mérito ou de crescimento no amor.

19. Também parece não ter sido provado que as almas no purgatório estejam certas de sua bem-aventurança, ao menos não todas, mesmo que nós, de nossa parte, tenhamos plena certeza disso.

20. Portanto, por remissão plena de todas as penas, o papa não entende simplesmente todas, mas somente aquelas que ele mesmo impôs.

21. Erram, portanto, os pregadores de indulgências que afirmam que a pessoa é absolvida de toda pena e salva pelas indulgências do papa.

22. Com efeito, ele não dispensa as almas no purgatório de uma única pena que, segundo os cânones, elas deveriam ter pago nesta vida.

23. Se é que se pode dar algum perdão de todas as penas a alguém, ele, certamente, só é dado aos mais perfeitos, isto é, pouquíssimos.

24. Por isso, a maior parte do povo está sendo necessariamente ludibriada por essa magnífica e indistinta promessa de absolvição da pena.

25. O mesmo poder que o papa tem sobre o purgatório de modo geral, qualquer bispo e cura tem em sua diocese e paróquia em particular.

26. O papa faz muito bem ao dar remissão às almas não pelo poder das chaves (que ele não tem), mas por meio de intercessão.

27. Pregam doutrina mundana os que dizem que, tão logo tilintar a moeda lançada na caixa, a alma sairá voando [do purgatório para o céu].

28. Certo é que, ao tilintar a moeda na caixa[1], pode aumentar o lucro e a cobiça; a intercessão da Igreja, porém, depende apenas da vontade de Deus.

29. E quem é que sabe se todas as almas no purgatório querem ser resgatadas, como na história contada a respeito de São Severino e São Pascoal?

30. Ninguém tem certeza da veracidade de sua contrição, muito menos de haver conseguido plena remissão.

31. Tão raro como quem é penitente de verdade é quem adquire autenticamente as indulgências, ou seja, é raríssimo.

32. Serão condenados em eternidade, juntamente com seus mestres, aqueles que se julgam seguros de sua salvação através de carta de indulgência.

33. Deve-se ter muita cautela com aqueles que dizem serem as indulgências do papa aquela inestimável dádiva de Deus através da qual a pessoa é reconciliada com Ele.

34. Pois aquelas graças das indulgências se referem somente às penas de satisfação sacramental, determinadas por seres humanos.

35. Os que ensinam que a contrição não é necessária para obter redenção ou indulgência, estão pregando doutrinas incompatíveis com o cristão.

36. Qualquer cristão que está verdadeiramente contrito tem remissão plena tanto da pena como da culpa, que são suas dívidas, mesmo sem uma carta de indulgência.

37. Qualquer cristão verdadeiro, vivo ou morto, participa de todos os benefícios de Cristo e da Igreja, que são dons de Deus, mesmo sem carta de indulgência.

38. Contudo, o perdão distribuído pelo papa não deve ser desprezado, pois – como disse – é uma declaração da remissão divina[2].

39. Até mesmo para os mais doutos teólogos é dificílimo exaltar simultaneamente perante o povo a liberalidade de indulgências e a verdadeira contrição.[3]

40. A verdadeira contrição procura e ama as penas, ao passo que a abundância das indulgências as afrouxa e faz odiá-las, ou pelo menos dá ocasião para tanto.[4]

41. Deve-se pregar com muita cautela sobre as indulgências apostólicas, para que o povo não as julgue erroneamente como preferíveis às demais boas obras do amor.[5]

42. Deve-se ensinar aos cristãos que não é pensamento do papa que a compra de indulgências possa, de alguma forma, ser comparada com as obras de misericórdia.

43. Deve-se ensinar aos cristãos que, dando ao pobre ou emprestando ao necessitado, procedem melhor do que se comprassem indulgências.[6]

44. Ocorre que através da obra de amor cresce o amor e a pessoa se torna melhor, ao passo que com as indulgências ela não se torna melhor, mas apenas mais livre da pena.

45. Deve-se ensinar aos cristãos que quem vê um carente e o negligencia para gastar com indulgências obtém para si não as indulgências do papa, mas a ira de Deus.

46. Deve-se ensinar aos cristãos que, se não tiverem bens em abundância, devem conservar o que é necessário para sua casa e de forma alguma desperdiçar dinheiro com indulgência.

47. Deve-se ensinar aos cristãos que a compra de indulgências é livre e não constitui obrigação.

48. Deve ensinar-se aos cristãos que, ao conceder perdões, o papa tem mais desejo (assim como tem mais necessidade) de oração devota em seu favor do que do dinheiro que se está pronto a pagar.

49. Deve-se ensinar aos cristãos que as indulgências do papa são úteis se não depositam sua confiança nelas, porém, extremamente prejudiciais se perdem o temor de Deus por causa delas.

50. Deve-se ensinar aos cristãos que, se o papa soubesse das exações dos pregadores de indulgências, preferiria reduzir a cinzas a Basílica de S. Pedro a edificá-la com a pele, a carne e os ossos de suas ovelhas.

51. Deve-se ensinar aos cristãos que o papa estaria disposto – como é seu dever – a dar do seu dinheiro àqueles muitos de quem alguns pregadores de indulgências extorquem ardilosamente o dinheiro, mesmo que para isto fosse necessário vender a Basílica de S. Pedro.

52. Vã é a confiança na salvação por meio de cartas de indulgências, mesmo que o comissário ou até mesmo o próprio papa desse sua alma como garantia pelas mesmas.

53. São inimigos de Cristo e do Papa aqueles que, por causa da pregação de indulgências, fazem calar por inteiro a palavra de Deus nas demais igrejas.

54. Ofende-se a palavra de Deus quando, em um mesmo sermão, se dedica tanto ou mais tempo às indulgências do que a ela.

55. A atitude do Papa necessariamente é: se as indulgências (que são o menos importante) são celebradas com um toque de sino, uma procissão e uma cerimônia, o Evangelho (que é o mais importante) deve ser anunciado com uma centena de sinos, procissões e cerimônias.

56. Os tesouros da Igreja, a partir dos quais o papa concede as indulgências, não são suficientemente mencionados nem conhecidos entre o povo de Cristo.

57. É evidente que eles, certamente, não são de natureza temporal, visto que muitos pregadores não os distribuem tão facilmente, mas apenas os ajuntam.

58. Eles tampouco são os méritos de Cristo e dos santos, pois estes sempre operam, sem o papa, a graça do ser humano interior e a cruz, a morte e o inferno do ser humano exterior.

59. S. Lourenço disse que os pobres da Igreja são os tesouros da mesma, empregando, no entanto, a palavra como era usada em sua época.

60. É sem temeridade que dizemos que as chaves da Igreja, que foram proporcionadas pelo mérito de Cristo, constituem estes tesouros.

61. Pois está claro que, para a remissão das penas e dos casos especiais, o poder do papa por si só é suficiente.[7]

62. O verdadeiro tesouro da Igreja é o santíssimo Evangelho da glória e da graça de Deus.

63. Mas este tesouro é certamente o mais odiado, pois faz com que os primeiros sejam os últimos.

64. Em contrapartida, o tesouro das indulgências é certamente o mais benquisto, pois faz dos últimos os primeiros.

65. Portanto, os tesouros do Evangelho são as redes com que outrora se pescavam homens possuidores de riquezas.

66. Os tesouros das indulgências, por sua vez, são as redes com que hoje se pesca a riqueza dos homens.

67. As indulgências apregoadas pelos seus vendedores como as maiores graças realmente podem ser entendidas como tais, na medida em que dão boa renda.

68. Entretanto, na verdade, elas são as graças mais ínfimas em comparação com a graça de Deus e a piedade da cruz.

69. Os bispos e curas têm a obrigação de admitir com toda a reverência os comissários de indulgências apostólicas.

70. Têm, porém, a obrigação ainda maior de observar com os dois olhos e atentar com ambos os ouvidos para que esses comissários não preguem os seus próprios sonhos em lugar do que lhes foi incumbidos pelo papa.

71. Seja excomungado e amaldiçoado quem falar contra a verdade das indulgências apostólicas.

72. Seja bendito, porém, quem ficar alerta contra a devassidão e licenciosidade das palavras de um pregador de indulgências.

73. Assim como o papa, com razão, fulmina aqueles que, de qualquer forma, procuram defraudar o comércio de indulgências,

74. muito mais deseja fulminar aqueles que, a pretexto das indulgências, procuram fraudar a santa caridade e verdade.

75. A opinião de que as indulgências papais são tão eficazes a ponto de poderem absolver um homem mesmo que tivesse violentado a mãe de Deus, caso isso fosse possível, é loucura.

76. Afirmamos, pelo contrário, que as indulgências papais não podem anular sequer o menor dos pecados venais no que se refere à sua culpa.

77. A afirmação de que nem mesmo São Pedro, caso fosse o papa atualmente, poderia conceder maiores graças é blasfêmia contra São Pedro e o Papa.

78. Dizemos contra isto que qualquer papa, mesmo São Pedro, tem maiores graças que essas, a saber, o Evangelho, as virtudes, as graças da administração (ou da cura), etc., como está escrito em I.Coríntios XII.

79. É blasfêmia dizer que a cruz com as armas do papa, insigneamente erguida, eqüivale à cruz de Cristo.

80. Terão que prestar contas os bispos, curas e teólogos que permitem que semelhantes sermões sejam difundidos entre o povo.

81. Essa licenciosa pregação de indulgências faz com que não seja fácil nem para os homens doutos defender a dignidade do papa contra calúnias ou questões, sem dúvida argutas, dos leigos.

82. Por exemplo: Por que o papa não esvazia o purgatório por causa do santíssimo amor e da extrema necessidade das almas – o que seria a mais justa de todas as causas –, se redime um número infinito de almas por causa do funestíssimo dinheiro para a construção da basílica – que é uma causa tão insignificante?

83. Do mesmo modo: Por que se mantêm as exéquias e os aniversários dos falecidos e por que ele não restitui ou permite que se recebam de volta as doações efetuadas em favor deles, visto que já não é justo orar pelos redimidos?

84. Do mesmo modo: Que nova piedade de Deus e do papa é essa que, por causa do dinheiro, permite ao ímpio e inimigo redimir uma alma piedosa e amiga de Deus, mas não a redime por causa da necessidade da mesma alma piedosa e dileta por amor gratuito?

85. Do mesmo modo: Por que os cânones penitenciais – de fato e por desuso já há muito revogados e mortos – ainda assim são redimidos com dinheiro, pela concessão de indulgências, como se ainda estivessem em pleno vigor?

86. Do mesmo modo: Por que o papa, cuja fortuna hoje é maior do que a dos ricos mais crassos, não constrói com seu próprio dinheiro ao menos esta uma basílica de São Pedro, ao invés de fazê-lo com o dinheiro dos pobres fiéis?

87. Do mesmo modo: O que é que o papa perdoa e concede àqueles que, pela contrição perfeita, têm direito à plena remissão e participação?

88. Do mesmo modo: Que benefício maior se poderia proporcionar à Igreja do que se o papa, assim como agora o faz uma vez, da mesma forma concedesse essas remissões e participações cem vezes ao dia a qualquer dos fiéis?

89. Já que, com as indulgências, o papa procura mais a salvação das almas do que o dinheiro, por que suspende as cartas e indulgências, outrora já concedidas, se são igualmente eficazes?

90. Reprimir esses argumentos muito perspicazes dos leigos somente pela força, sem refutá-los apresentando razões, significa expor a Igreja e o papa à zombaria dos inimigos e fazer os cristãos infelizes.

91. Se, portanto, as indulgências fossem pregadas em conformidade com o espírito e a opinião do papa, todas essas objeções poderiam ser facilmente respondidas e nem mesmo teriam surgido.

92. Portanto, fora com todos esses profetas que dizem ao povo de Cristo "Paz, paz!" sem que haja paz!

93. Que prosperem todos os profetas que dizem ao povo de Cristo "Cruz! Cruz!" sem que haja cruz![8]

94. Devem-se exortar os cristãos a que se esforcem por seguir a Cristo, seu cabeça, através das penas, da morte e do inferno.

95. E que confiem entrar no céu antes passando por muitas tribulações do que por meio da confiança da paz.

[1517 A.D.]

sábado, outubro 25

QUEM DIRIA....

O Papa Bento 16 afirmou nesta segunda-feira que a crise financeira mundial demonstra a futilidade do sucesso e do dinheiro, e pediu que as pessoas cimentem a vida sobre a "rocha" da palavra divina.
"A palavra de Deus, mais que qualquer outra palavra, é o fundamento de tudo, a autêntica realidade. Você se equivoca se pensa que a matéria, as coisas sólidas que podemos tocar, são a realidade mais segura", disse.

Somente a palavra [de Deus] é sólida, ela é a verdadeira realidade sobre a qual se deve fundar nossa própria vida", concluiu.

Para o passado histórico da Igreja Católica com respeito à Palavra de Deus, essa é uma declaração inédita, já que a pretensa igreja tem sido perseguidora ferrenha desta mesma "Palavra". Meu marido mesmo, tem fotos antigas de padres católicos queimando Bíblias em plena praça pública. Quanta hipocrisia!! Dá vontade de vomitar!

Eu simplesmente não entendo, como católicos romanos, citam a Bíblia, falam dela, incentivam a sua leitura, mas não lhe dão o crédito que ela merece. Teimam em mudar as Escrituras, adaptando-a a seus próprios interesses escusos.
Uma mudança não menos inescrupulosa vemos no primeiro mandamento de Deus, em Deuteronômio que diz:" Não terás outros deuses diante de mim". Não farás para ti imagem de escultura... etc etc Mudaram este mandamento para:"Amarás oa Senhor teu Deus de todo o teu coração"... Deturpam as Escrituras para a sua própria perdição. Estão menospezando a Palavra de Apocalipse:“Porque eu testifico a todo aquele que ouvir as palavras da profecia deste livro que, se alguém lhes acrescentar alguma coisa, Deus fará vir sobre ele as pragas que estão escritas neste livro;

E, se alguém tirar quaisquer palavras do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte do livro da vida, e da cidade santa, e das coisas que estão escritas neste livro.”



MAIS ALGUMAS OBSERVAÇÕES...

A ICR mudou a Bíblia. Em 1584, o Concílio de Trento [ainda em pleno vigor] anexou à Bíblia os livros apócrifos, os quais contêm passagens que seriam usadas a fim de justificar algumas doutrinas católicas [antibíblicas], como por exemplo, a oração em favor dos mortos (Os livros apócrifos serão discutidos no final deste capítulo).

Conservando a Bíblia em Latim – Sob o governo romano, o Latim se tornou a língua universal. Então, quando a Bíblia foi originalmente traduzida do Grego e do Hebraico para o Latim, isso a tornou mais acessível às pessoas. Contudo, após o colapso do Império Romano, o Latim passou a ser falado cada vez menos. Com o passar do tempo, somente os eruditos o entendiam e a grande maioria do povo já não falava essa língua.

A partir de 1080, houve muitos casos em que os papas, os concílios da ICR e os bispos proibiram a tradução da Bíblia na linguagem do povo comum. Aos homens e mulheres leigos foi proibido ler a Bíblia em sua própria língua, a não ser que um bispo ou um inquisidor lhos permitissem, por escrito.

Em 1517, sete pessoas foram queimadas na estaca porque estavam ensinando seus filhos a recitarem a Oração do Senhor [o Pai Nosso] em Inglês. Em 1536, William Tyndale foi queimado como herege por ter traduzido a Bíblia para o Inglês. Em 1555, Thomas Rogers e Thomas Crammer foram queimados na estaca por terem traduzido a Bíblia. Muitos homens e mulheres foram também queimados por lerem a tradução inglesa da Bíblia. Aos leigos não era permitido ler a Bíblia nem mesmo em Latim. Isso era considerado heresia e muitos homens e mulheres foram queimados na estaca por causa disso.

O povo tinha tanta fome de saber o que a Bíblia dizia que, quando finalmente uma tradução dela foi disponibilizada, multidões lotaram a igreja onde ela estava guardada. Homens faziam turnos para ler a Bíblia em voz alta. Logo que o dia clareava, esses homens liam o Livro em voz alta, enquanto as multidões escutavam.

Às voltas com o Latim – Quando me tornei católica, a missa ainda era rezada em Latim. Eu conhecia um pouco de Latim por tê-lo estudado durante três anos no colégio. Durante a missa solene, porções da Bíblia eram lidas. A Bíblia era um livro grande e enfeitado. O sacerdote a cobria de incenso, ajoelhava-se diante dela, cantando alguns versos em canto gregoriano.

A música era bonita e a cerimônia, impressionante! Contudo, eu não conseguia entender os versos que eram lidos. Com os meus três anos de Latim colegial, às vezes eu até conseguia entender uma ou outra frase ou palavra, mas isso não me possibilitava entender as passagens da Escritura... Por que Deus nos deu a Bíblia? Para que as pessoas a leiam e sejam por ela transformadas.

Traduzindo a Bíblia – A primeira tradução inglesa da Bíblia foi feita em 1382 pelos seguidores de John Wycliffe, com a sua ajuda e iluminação. Uma versão melhorada foi concluída em 1388. Os seguidores de Wycliffe eram conhecidos como “lolardos” e foram severamente perseguidos. A tradução de Wycliffe foi feita à mão, num processo demorado. A maior parte das cópias da Bíblia inglesa foi destruída.

Depois de um século e meio, em 1535, a Bíblia Tyndale/Coverdale foi publicada. William Tyndale e o Bispo Coverdale traduziram os textos dos originais grego e hebraico para o inglês. Sua Bíblia foi publicada na Alemanha, onde Tyndale havia-se refugiado. A imprensa acabava de ser inventada. Isso possibilitou Tyndale e seus seguidores a produzirem cópias da Bíblia inglesa mais depressa do que elas eram destruídas. Tyndale foi queimado na estaca.

Quarenta e sete anos mais tarde (1582), a primeira tradução católica do Novo Testamento em inglês foi publicada. A tradução católica do VT foi publicada em 1609. Essas traduções não foram feitas do original grego e hebraico, mas da versão latina da Bíblia.

Condenando as Sociedades Bíblicas – Em 1846 e novamente em 1849 o Papa Pio IX declarou, oficialmente, que as sociedades bíblicas eram “enganosos inimigos” da ICR e da humanidade em geral. Por quê? Porque elas traduziram a Bíblia na língua do povo comum e as oferecem a todas as pessoas que desejarem possuí-la. No dia 03/09/2000, o Papa Pio IX foi beatificado. Esse é o último passo para a canonização.

Em 1864, Pio IX declarou, oficialmente, que a idéia de o povo ter liberdade de consciência e adoração era “insana”, “maligna”, “depravada” e “réproba”. Ele também declarou que os não-católicos que vivem em países católicos deveriam ser impedidos de praticar, publicamente, a sua religião. Em 1888, o Papa Leão XIII declarou que a liberdade de pensamento e de religião era errada.

Conforme a doutrina católica da Infalibilidade (do papa e da Igreja) essas declarações são infalíveis. Desse modo, jamais poderão ser invalidadas. Uma história que não é tão antiga; meus tetravós ainda eram vivos em 1864.

Adicionando a tradição à Escritura – A ICR declara, oficialmente, que a Tradição Católica tem a mesma autoridade da Bíblia.

É difícil definir a Tradição. O Catecismo da Igreja Católica diz que ela é o conjunto de expressões de adoração e crenças do povo católico. Mas o que significa isso? As crenças religiosas dos católicos modernos são muito diferentes das crenças dos católicos da Idade Média. (Vocês conhecem alguns católicos usando relíquias, a fim de exorcizar demônios ou pagando indulgências para retirar algum ente amado do purgatório?). Mesmo assim, a definição católica de Tradição engloba todas essas crenças e práticas.

Vamos resumir o que acontece aos modernos católicos americanos. Conheço católicos que acreditam, piamente, que se usarem o escapulário marrom o tempo inteiro (até mesmo no banho), isso os levará ao céu. Por outro lado, sei de outros católicos que acham isso uma superstição tola. Usar as piedosas práticas do povo católico como padrão é o mesmo que medir as coisas com uma fita elástica. Jesus censurou os fariseus porque eles colocavam a tradição acima da Escritura, dizendo que eles anulavam a Palavra de Deus por causa da tradição:
“Em vão, porém, me honram, Ensinando doutrinas que são mandamentos de homens. Porque, deixando o mandamento de Deus, retendes a tradição dos homens; como o lavar dos jarros e dos copos; e fazeis muitas outras coisas semelhantes a estas. E dizia-lhes: Bem invalidais o mandamento de Deus para guardardes a vossa tradição” (Marcos 7:7-9). “Invalidando assim a palavra de Deus pela vossa tradição, que vós ordenastes. E muitas coisas fazeis semelhantes a estas” (Marcos 7:13). “Este povo se aproxima de mim com a sua boca e me honra com os seus lábios, mas o seu coração está longe de mim. Mas, em vão me adoram, ensinando doutrinas que são preceitos dos homens” (Mateus 15:8-9).

O Apóstolo Paulo também não tinha muita consideração pelas tradições humanas. Ele admoestou os cristãos do seu tempo: “Tende cuidado, para que ninguém vos faça presa sua, por meio de filosofias e vãs sutilezas, segundo a tradição dos homens, segundo os rudimentos do mundo, e não segundo Cristo” (Colossenses 2:8).

Proibindo as pessoas de interpretarem a Bíblia sozinhas – Conforme o Catecismo da Igreja Católica, os católicos são obrigados a aceitar a maneira como os bispos interpretam as passagens da Escritura, devendo aceitar esses ensinos “com docilidade”, como se procedessem do próprio Senhor Jesus Cristo. Em outras palavras, não lhes é permitido crer no que lêem na Bíblia, sem antes conferir com a ICR. Não lhes é permitido usar o próprio julgamento nem seguir a própria consciência. São obrigados a crer em tudo que os bispos ensinam, sem questionar coisa alguma. Tal atitude é exemplificada pela declaração feita pelo Cardeal Hosius, no Concílio de Trento (1545-1564 - ainda em pleno vigor). Ele escreveu que, fora da autoridade da ICR, a Bíblia não deveria ter mais importância do que as fábulas de Esopo.

Os Livros Apócrifos – Os Apócrifos são livros acoplados às Bíblias católicas, mas não às protestantes. Eles nunca fizeram parte da Bíblia hebraica, pois os judeus jamais os consideraram canônicos. Em 1548, o Concílio de Trento declarou que os Apócrifos são canônicos e amaldiçoou qualquer pessoa que pensar de outro modo.

Jesus e os apóstolos citaram centenas de vezes o VT, porém jamais trataram os Apócrifos como autoridade. Os próprios Apócrifos jamais admitiram ser a Palavra de Deus. Os livros de Tobias e Judite contêm sérias inverdades históricas.

[Nota da Tradutora: Aqui a autora faz um resumo do Livro de Tobias, que achei por bem não traduzir e aconselho aos leitores a leitura integral desse livro, onde irão encontrar uma boa porcentagem de misticismo e inverdades].

Isso parece Escritura inspirada? Será que esse livro revela o caráter e a natureza de Deus e Sua maneira de lidar com o Seu povo? Este livro inspiraria alguém a conhecer melhor o nosso Deus? Ele dá algum tipo de força e coragem para alguém se tornar um cristão fiel? Se esse livro fosse anexado à nossa Bíblia, será que ele iria aumentar a nossa confiança nela? Ele poderia ajudar a crer na inerrância e autoridade da Escritura? Será que ele aumentaria o nosso desejo de ler a Bíblia?

A ICR e a Bíblia – Foi Deus quem nos deu a Bíblia... Não a ICR! Esta tem agido sempre de maneira dobre com relação à Bíblia. Por um lado, os monges católicos ajudaram a conservá-la, quando a copiaram na Idade Média. Por outro lado, a ICR conservou a Bíblia em Latim e ainda mandava queimar os eruditos que a traduziam para a língua do povo comum. Além disso, ela acrescentou os livros Apócrifos à Bíblia.

Conforme o Catecismo da Igreja Católica, os católicos não podem interpretar a Bíblia sozinhos, devendo aceitar “com docilidade” tudo que os seus bispos lhes disserem. Desse modo, a ICR trata a Bíblia como se ela fosse perigosa demais para o povo comum, exigindo que sua interpretação passe pelo crivo das doutrinas e explicações oficiais da ICR.

A Bíblia é um tesouro de inestimável valor – Moro na América, onde as Bíblias são abundantes e baratas. É fácil consegui-las de graça. Contudo, no exato momento em que você está lendo este capítulo, existem cristãos arriscando suas vidas para levar a Bíblia às pessoas. O Ministério Portas Abertas tem intermediários que se arriscam, diariamente, a fim de contrabandear Bíblias para dentro dos países onde os cristãos são perseguidos. Recentemente eu soube de um homem que foi condenado à morte por ter dado a Bíblia a um muçulmano.

Homens e mulheres custearam, com o próprio sangue, a possibilidade de termos a Bíblia hoje em nossas mãos. William Tyndale foi queimado na estaca por tê-la traduzido para o Inglês. Homens foram queimados na estaca por terem ensinado aos filhos a Oração do Senhor (O Pai Nosso) em Inglês. Homens e mulheres foram queimados na estaca por possuírem uma tradução inglesa da Bíblia. Jamais poderemos avaliar o preço que foi pago para que tivéssemos a Bíblia em nossa língua materna e, hoje em dia, podermos lê-la sem temor algum.

Aqui está o que dizem os Salmos sobre a Bíblia. Quando você ler os termos: “A lei do Senhor”, “O testemunho do Senhor”, “Os julgamentos do Senhor”, lembre-se de que esses são termos do VT para a Palavra de Deus escrita.

Que Deus nos dê esse tipo de paixão pela Sua Palavra. Vejam quanto amor, lealdade e gratidão nas seguintes passagens da Escritura:

Salmo 19:7-11: “A lei do SENHOR é perfeita, e refrigera a alma; o testemunho do SENHOR é fiel, e dá sabedoria aos símplices. Os preceitos do SENHOR são retos e alegram o coração; o mandamento do SENHOR é puro, e ilumina os olhos. O temor do SENHOR é limpo, e permanece eternamente; os juízos do SENHOR são verdadeiros e justos juntamente. Mais desejáveis são do que o ouro, sim, do que muito ouro fino; e mais doces do que o mel e o licor dos favos. Também por eles é admoestado o teu servo; e em os guardar há grande recompensa”.

Salmo 1:1-3: “BEM-AVENTURADO o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores. Antes tem o seu prazer na lei do SENHOR, e na sua lei medita de dia e de noite. Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto no seu tempo; as suas folhas não cairão, e tudo quanto fizer prosperará.”

Salmo 119:9-16: “Com que purificará o jovem o seu caminho? Observando-o conforme a tua palavra. Com todo o meu coração te busquei; não me deixes desviar dos teus mandamentos. Escondi a tua palavra no meu coração, para eu não pecar contra ti. Bendito és tu, ó SENHOR; ensina-me os teus estatutos. Com os meus lábios declarei todos os juízos da tua boca. Folguei tanto no caminho dos teus testemunhos, como em todas as riquezas. Meditarei nos teus preceitos, e terei respeito aos teus caminhos. Recrear-me-ei nos teus estatutos; não me esquecerei da tua palavra”.

Salmos 119:89-93: “Para sempre, ó SENHOR, a tua palavra permanece no céu. A tua fidelidade dura de geração em geração; tu firmaste a terra, e ela permanece firme. Eles continuam até ao dia de hoje, segundo as tuas ordenações; porque todos são teus servos. Se a tua lei não fora toda a minha recreação, há muito que pereceria na minha aflição. Nunca me esquecerei dos teus preceitos; pois por eles me tens vivificado”.

Salmo 119:165: “Muita paz têm os que amam a tua lei, e para eles não há tropeço”.

Conforme a Concordância Strong, a palavra “tropeço”, no Salmo 119:165, significa impedimento ou pedra de tropeço. É algo que arruína as pessoas e as leva a cair. Então, conforme esse verso, quando amamos a Palavra de Deus, ela nos traz paz e nos protege da tentação e da destruição.

A Bíblia é, sem dúvida, um tesouro de valor inestimável!

Aplicação Prática – Todos nós devemos ser gratos a Deus porque Ele nos deu a Bíblia. Devemos também ser gratos aos homens heróicos que a tornaram disponível em nossa língua.

Quem desejar fazer uma coisa prática para demonstrar a sua gratidão a Deus, que ajude o Ministério Portas Abertas a distribuir Bíblias aos cristãos perseguidos (Hoje em dia estão acontecendo mais perseguições do que se possa imaginar). Quem desejar entrar em contato com o Ministério Portas Abertas, use o endereço eletrônico: http://www.portasabertas.org.br.

Você pode orar pelos irmãos perseguidos em Cristo e pedir que Deus os ajude a conseguir Bíblias. Em alguns países existem pastores que jamais tiveram uma Bíblia na mão. Existem heróicos mártires modernos que conhecem apenas alguns versos da Escritura e talvez apenas um hino ou cântico de adoração.

(www.opendoorsusa.org)

Tradução: Mary Schultze (www.cpr.org.br)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

FIQUE POR DENTRO